Bibliotecário lê livros por telefone a vovôs e vovós em casas de repouso na Espanha

Tem umas pessoas que a gente quer guardar em um potinho mesmo! O Juan Sobrino aqueceu meu coração hoje!

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Ele é bibliotecário em Soto del Real, Madri, na Espanha. E durante essa pandemia, ele tem feito algo incrível! Juan liga, todos os dias, com um imenso sorriso no rosto, para idosos da cidade, somente para ter um momento de leitura com eles. Isso tem ajudado muito os vovôs e as vovós que se sentiam sozinhos, por causa do isolamento.

bibliotecario liga para idosos
Foto: Twitter

Vamos ajudar o Edu fazer um Natal especial para mais de 50 idosos abandonados em asilo. Contribua para essa vaquinha!

Ele costumava visitar casas de repouso para fazer rodas de leitura

O hábito de ler para idosos não é algo recente para Juan. Desde 2015 ele visita as casas de repouso da cidade, promovendo rodas de leitura com os idosos internados.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Com a pandemia, essas visitas precisaram parar. E foi quando Juan teve a ideia de começar as ligações.

Inicialmente ele fazia isso sozinho, mas hoje já conta com um time de outros bibliotecários.  O projeto até ganhou um nome: “Cuentos por teléfono” (Contos por telefone, em espanhol).

Pensei nos idosos, que são os mais vulneráveis ​​à Covid-19 e que não podem sair de casa com frequência, e também naqueles que estão em lares de cuidado especial e não podem receber visitas de familiares ou amigos”, contou Juan.

bibliotecario liga para idosos
Foto: Contioutra

Juan disse que o projeto também ajudou os idosos de abrigo. Antes, as visitas aconteciam apenas uma vez por mês. Agora ele pode ligar toda semana para promover a roda de leitura, só que individual.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Eles ainda conseguiram montar um esquema onde cada voluntário fale sempre com a mesma pessoa, com o intuito de criar um vínculo afetivo. Desta forma, além da leitura, eles também ajudam os idosos com conversas.

Eu achei a ideia maravilhosa!

Fonte: Contioutra

[Nota da Redação]

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Essas mulheres pegam fiações, borrachas e fios de cobre de instalações elétricas que virariam lixo e transformam tudo em lindas biojoias personalizadas.

É uma coleção mais linda que a outra!

Essa iniciativa faz parte do projeto @giro.social do Enel Compartilha Empreendedorismo @enelbrasil, que chegou no interior do Ceará para estimular a geração de renda de uma maneira mais sustentável a essas mulheres.  

Veja:

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,429,587SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Vigias da UFF sem salário há sete meses recebem cesta básica de alunos e professores

A equipe de vigias terceirizados que trabalham nos campi da Universidade Federal Fluminense (UFF), em Niterói (RJ), reclamam de atrasos nos salários. A empresa responsável...

Belo Horizonte ganha primeira agrofloresta urbana comunitária de MG

Além de oferecer alimentos saudáveis, o projeto rearboriza a cidade, reabilita áreas abandonadas e promove a integração da comunidade entre si e com a região onde mora – e ainda oferece uma nova possibilidade de renda.

Atleta de jiu-jitsu que vende biscoitos para competir traz mais um ouro para o Brasil!

Atleta de jiu-jtsu trouxe o título de campeão do Pan-Americano Nogi que aconteceu agora em setembro, em Nova Iorque, com a venda dos biscoitos.

Em SP, Papai Noel usa rapel para presentear crianças com câncer

Um Papai Noel diferente: esbelto e radical desceu de rapel a sede do GRAACC, na Vila Clementino, Zona Sul de São Paulo, para entregar...

Fundação Bill & Melinda Gates vai disponibilizar kits que detectam o coronavírus

A Fundação Bill & Melinda Gates anunciou que irá fornecer milhares de kits para teste do coronavírus (Covid-19) em casa. A doença infecciosa chegou a...

Instagram