Mãe cria bonecos para todas as crianças se sentirem amadas e representadas

Uma mãe vem quebrando padrões estéticos também impostos pela indústria de brinquedos e que nem sempre percebemos. Amy Jandrisevita, que vive em Wisconsin (EUA), criou a ‘A Doll Like Me’ (Uma boneca como eu, em português), para reafirmar que toda criança é linda, mesmo que haja uma ou outra ‘diferença’.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

 

mulher cria bonecos inclusivos para crianças deficientes

“Eu sou uma fabricante de bonecas que sente que toda criança, independentemente de sexo, etnia, idade, problema médico ou tipo de corpo, deve olhar para o rosto doce de uma boneca e ver o seu próprio”, diz Amy.

A verdade é que muitos dos bonecos que encontramos hoje no mercado são estereotipados. As bonecas têm sempre o rosto limpo, sem manchas, o cabelo arrumado e o corpo magro. O mesmo acontece com os super-heróis, que são musculosos e segue um padrão estético bem convencional.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O que a Amy vem tentando fazer com a ‘Doll Like Me’ é mostrar que qualquer criança pode se sentir representada em seus brinquedos. Que o padrão de beleza que elas enxergam em seus bonecos devem ser totalmente reais e atingíveis para a sua vida.

mulher cria bonecos inclusivos para crianças deficientes

Ideia surgiu no trabalho

Amy é assistente social de oncologia pediátrica e usava muito a ludoterapia para ajudar as crianças a se ajustarem a situações que pareciam fora de seu controle. Para o trabalho, ela sempre precisava utilizar bonecos, mas sentia uma certa dificuldade de encontrar no jeito que queria.

mulher cria bonecos inclusivos para crianças deficientes

Ela então começou a fazer alguns bonecos e sempre os dava de presente para as crianças em atendimento. Com o tempo, os pedidos foram chegando  hoje ela se dedica apenas a esse projeto.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Amy já produziu cerca de 300 bonecos, todos únicos, tendo como base a aparência dos seus pequenos donos. Para manter o projeto, ela tem uma vaquinha no site GoFundMe para quem quiser comprar seus bonecos ou simplesmente ajudar a causa.

mulher cria bonecos inclusivos para crianças deficientes

Perfeito, não é? Dá uma olhada em alguns bonecos que ela criou!

mulher cria bonecos inclusivos para crianças deficientes

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

 

mulher cria bonecos inclusivos para crianças deficientes

mulher cria bonecos inclusivos para crianças deficientes

mulher cria bonecos inclusivos para crianças deficientes

mulher cria bonecos inclusivos para crianças deficientes

Fonte e fotos: Instagram A Doll Like Me

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM



Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,100,260SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Com intérprete de libras, Marília Mendonça faz live para milhões de pessoas no Youtube

Marília Mendonça está dando aula de humildade e acessibilidade em sua live no Youtube. Com pico de mais de 3 milhões de pessoas simultâneas assistindo...

Médico judeu salva vida de paciente com tatuagens nazistas

“Não me deixe morrer, doutor!”, implorou o paciente com tatuagens nazistas ao médico judeu Taylor Nichols, que atua na linha de frente do combate...

Primeira educadora do país com Síndrome de Down ganha prêmio nacional de educação

No fim do mês passado, a professora potiguar Débora Seabra, de 33 anos, recebeu o Prêmio Darcy Ribeiro de 2015, em Brasília, como a...

Notícias ruins levam a ciclo de tristeza, diz estudo: já notícias boas, fazem bem à saúde mental

Consumir notícias ruins diariamente leva a um ciclo danoso de tristeza, fadiga e angústia. No sentido contrário, consumir notícias boas faz bem à saúde mental e gera sentimentos como empatia, esperança e felicidade!

Instagram

Mãe cria bonecos para todas as crianças se sentirem amadas e representadas 2