Brasileiros juntam o lixo em estádio depois da vitória da seleção

Essa notícia vai para as pessoas (leia-se: nós brasileiros) que disseram que – nós mesmos, brasileiros! Nunca faríamos algo similar aos japoneses e senegaleses: juntar o próprio lixo em estádio após uma partida de futebol.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Hoje tivemos a segunda partida seleção brasileira na Copa do Mundo da Rússia 2018, onde o Brasil ganhou suado da Costa Rica por 2 a 0, mas, um gesto mais que especial tem repercutido nas redes sociais, e dessa vez não foram os japoneses ou senegaleses dando exemplo de educação, foi a própria torcida brasileira que estava acompanhando o jogo no estádio de São Petersburgo que resolveu fazer a diferença.

No vídeo, divulgado pelo Movimento Verde e Amarelo, vemos a torcida com sacos de lixo na mão e recolhendo latas e caixinhas de papelão de bebidas que foram levadas para torcer para o país. Assista:

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

É isso mesmo! Que venham mais e mais atitudes como essa e que nós possamos aprender que ficar denegrindo nossa própria imagem dizendo que não somos capazes de tais atitudes não ajuda em nada.

Leia também: 

Garoto usa a criatividade e desenha à mão figurinhas do álbum da Copa

LATAM demite funcionário que assediou mulheres russas na Copa

Imagens: Reprodução

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM




Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,827,226SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Pianista cria dueto à distância com vizinho idoso e é surpreendido por história emocionante

A conexão entre Giorgio e seu vizinho, Emil, se tornou tão forte, que nem as paredes conseguiram atrapalhar! Isso porque, antes de começarem a...

Amazonense é a primeira tetraplégica a saltar de paraquedas no Brasil

A amazonense Nancy Segadilha realizou seu sonho de saltar de paraquedas e, de quebra, se tornou a primeira pessoa tetraplégica do Brasil a concretizar...

Um carioca, uma acreana e um cearense ensinam o jeito “certo” de chamar a mesma coisa

É Fruta do Conde ou Pinha? Arco de Cabelo ou Tiara? Peteca ou Bolinha de Gude? Feijão Marrom ou Feijão Carioquinha? Num país tão diverso...

Idosa mora em casa que corre risco de desabar e desconhecidos criam vaquinha para ajudá-la

Dona Mari tem 67 anos e vive em uma casinha muito humilde, em Recife (PE). Tudo que ela sempre sonhou foi ter um cantinho...

Instagram