Mulher sem um braço enfrenta preconceito, se torna cabeleireira e sonha ter seu próprio salão

A Roberta dos Santos, de 41 anos, é daquelas mulheres que não desistem tão fácil dos obstáculos que a gente tem na vida. Ela é do Rio de Janeiro (RJ), nasceu sem o braço direito e é cega do olho direito. Só que a sua deficiência nunca a limitou de seguir o sonho de ser cabeleireira.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Ela enfrenta muito preconceito devido sua condição física, mas garante que isso não a fará desistir do sonho de ter o próprio salão.

Por isso, lançamos uma vaquinha na VOAA para ajudá-la a montar seu pequeno salão. Contribua com o sonho dela clicando aqui!

Ela começou escovando o cabelo sozinha e das amigas

A história da Roberta com a profissão começou há 3 anos, quando ela queria alguém para escovar seu cabelo e não encontrou.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Queria escovar para sair com as minhas amigas, mas elas não queriam fazer a escova em mim, então comecei sozinha e quando viram que eu fazia bem, começaram a me pedir”, contou.

Depois disso, Roberta foi comprando aos poucos as suas ferramentas e improvisou um salão na garagem de casa, no bairro Olaria, no Rio.

roberta-salao

Muito amada pelas clientes

A história da Roberta chegou até nós pela sua cliente e amiga, Bruna Galante.

Bruna frequenta o salão da Roberta desde o começo e sempre teve vontade de fazer algo para ajudá-la.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Sempre quis fazer algo por ela, pois o seu grande referencial, além da força de vontade, é a superação de ser cabeleireira de ótima qualidade, tendo apenas um braço”, conta Bruna.

Bruna ainda nos falou que a condição física da Roberta nunca a limitou. O fato de não ter um braço não foi obstáculo para ela perder a força de vontade para realizar seus sonhos.

Roberta e bruna

O sonho da Roberta é construir seu salão e fazer novos cursos para provar a si mesma e as pessoas de que é uma grande profissional.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

A vaquinha é para ela construir o salão e investir no negócio que é uma das fontes de renda da família.

Vamos ajudar Roberta nesse sonho? Clique aqui e faça a sua contribuição para a vaquinha!

 

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM



Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,279,775SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

O primeiro supermercado sem embalagens descartáveis no mundo já funciona em Berlim

O universo do consumo começa a dar sinais de mudança, já vemos algumas iniciativas no Brasil com relação a produtos e empresas mais conscientes...

Maroon 5 aparece de surpresa em casamentos e faz alegria dos noivos

Já imaginou se no dia mais feliz de sua vida, o dia do casamento, o Maroon 5 aparece de surpresa na festa para animar...

Táxis coloridos alegram as ruas de Mumbai dando chance para jovens designers mostrarem seu trabalho

Mumbai tem 20 milhões de pessoas aglomeradas e para atender a demanda de locomoção eles contam com impressionantes 50.000 táxis. Recentemente, cinco destes automóveis receberam uma...

Funcionário pula janela de drive-thru para salvar menino de asfixia

Ao ver uma criança presa no cinto de segurança do carro com dificuldade para respirar, um funcionário da rede de restaurantes fast food Chick-fil-A...

Agricultora torna-se a primeira mulher a dirigir um trator no Norte de Gana

Aos 26 anos, Hikimatu Kediri é a primeira mulher do Norte de Gana a obter licença para dirigir um trator. Mas certamente não será...

Instagram

Mulher sem um braço enfrenta preconceito, se torna cabeleireira e sonha ter seu próprio salão 2