Cachorrinha de 6 patas é adotada por menino com psoríase: ‘vamos apoiar um ao outro’

Clique e ouça:

Uma cachorrinha de 6 patas nasceu em um abrigo de cães em Essex, na Inglaterra. Os voluntários imaginaram que por conta de sua condição, ela dificilmente seria adotada.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

No entanto, felizmente, não foi isso que aconteceu. Ao completar oito semanas de idade, ela foi adotada pelo jovem Luke Salmon, de 15 anos, e sua família.

[Esdras começou a cuidar de animais abandonados aos 14 anos. Hoje, ele mantém um abrigo, mas o espaço é alugado. O jovem protetor precisa comprar um terreno para construir um abrigo próprio. Esdras vai poder acolher mais animais vítimas de maus-tratos com a qualidade de vida que eles merecem! Clique aqui e contribua.]

Ao chegar em casa, a cachorrinha foi batizada como “Roo”, porque segundo Luke, ela usa suas patas traseiras para pular como um canguru.

Cachorrinha 6 patas adotada menino psoríase

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Roo, uma mistura de vira-lata com labrador, nasceu com duas patas dianteiras extras, que atrapalharam sua locomoção. Para conseguir se movimentar, ela costuma utilizar as patas traseiras para se projetar pra frente.

“Quando ela pula em cima de nós, ela parece um canguru, daí o nome”, disse a mãe de Luke, Lauren Salmon.

Leia também: Cãozinho só aceitou ser adotado após permitirem que sua tigela de comida fosse junto

Ela lembra do momento em que foram buscar a cachorrinha no abrigo. Roo estava enérgica, hiperativa e super-feliz naquele dia e veio literalmente pulando para perto de Luke, que a pegou no colo pela primeira vez.

Cachorrinha 6 patas adotada menino psoríase

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Foi amor à primeira vista entre os dois”, diz Lauren. “Luke é como um pai protetor. Eles nunca deixam a companhia um do outro, estão sempre juntos.”

O jovem tem psoríase – uma condição clínica que deixa a pele coberta de manchas vermelhas escamosas – o que torna-o vítima constante de bullying na escola, segundo os pais.

Cachorrinha 6 patas adotada menino psoríase

Ter a companhia de Roo, no entanto, tem sido terapêutico para o rapaz. “Luke se sente um ‘estranho no ninho’ por causa de sua condição quando está na escola, mas agora tem uma melhor amiga para lhe fazer companhia em casa,” diz sua mãe. “Eu acho que ela vai ajudá-lo a reduzir seu estresse, o que deve ajudar na melhora da pele. Quando ele está muito estressado, as manchas pioram.”

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Cachorrinha 6 patas adotada menino psoríase

A família não pretende buscar ajuda veterinária para retirar as pernas de Roo, uma vez que a própria cirurgia parece inviável. “Para nós, ela é uma cachorrinha absolutamente normal – só que com duas patas extras.”

Leia também: Crianças de comunidade carente de Curitiba são surpreendidas com lanche e agasalho na volta às aulas

“Suas patas extras não lhe causam nenhuma dor, e é fácil ver o quão cheia de vida ela é. Roo só deseja ser feliz e proporcionaremos isso à ela”, finalizou.

Você conhece o VOAA? VOAA significa vaquinha online com amor e afeto. E é do Razões! Se existe uma história triste, lutamos para transformar em final feliz. Acesse e nos ajude a mudar histórias.

Fonte: GNN/Fotos: Reprodução/GNN

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,050,613FãsCurtir
2,191,217SeguidoresSeguir
17,236SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Homem com deficiência humilhado por atraso de salgados se surpreende com apoio: “o telefone não para”

Coisa mais linda essa corrente de solidariedade, o Rafael tá sem acreditar! Rafael foi humilhado por um cliente que não aceitou o atraso da sua...

Cãozinho é reprovado em treinamentos da polícia por ser ‘dócil demais’

E essa carinha de: "Alguém brinca comigo, por favor!"?

Vendedor de salgados é humilhado e recebe ajuda de vaquinha que bate R$70 mil em 24h

Rafael, que só tem uma das mãos, foi humilhado por cliente que não aceitou o atraso da sua encomenda de salgados.

“Eu quito!”, diz Tatá Werneck para seguidora que desabafou sobre dívidas na pandemia

A Tatá Weneck se ofereceu para pagar as dívidas de uma seguidora depois que ela postou um meme no seu Instagram. O meme é uma...

Jovem ‘zombada’ por vender sacos de lixo para ajudar a mãe não abaixa a cabeça

A estudante de enfermagem Clara Soares, 18 anos, vende sacos de lixo e panos de chão em Ceilândia (DF) para ajudar a mãe. Enquanto batia...

Instagram

Cachorrinha de 6 patas é adotada por menino com psoríase: 'vamos apoiar um ao outro' 13