Cachorro com paralisia é adotado por homem com a mesma condição: ‘Se fosse humano, seria eu’

No início deste ano, o norte-americano Darrell Rider adotou um cachorro com paralisia cerebral que precisa fazer uso de uma cadeira de rodas para se locomover, assim como ele.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Em entrevista ao portal ABC7 News, Darrell contou a história do cãozinho Bandit, que antes de ser acolhido por ele e se tornar seu melhor amigo, chegou a ser devolvido a um abrigo devido à sua condição.

Quando você olha para o Bandit, se ele fosse humano, seria eu”, disse o norte-americano ao comparar sua deficiência física com a do cachorro.

cachorro com paralisia é adotado por homem mesma condição

Projeto de ressocialização de presos

Por mais de cinco anos Bendit viveu em um presídio para detentos de baixa periculosidade, onde fazia parte de um programa que ensina os presos a treinarem – e cuidarem – dos cães. Neste projeto, o objetivo também é ensinar aos presos sobre obediência e empatia.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Antes de fazer parte do programa, o cachorrinho ficou disponível para adoção no abrigo Gwinnett Jail Dogs, na Geórgia (EUA). No entanto, nunca foi adotado em definitivo: as famílias que o levavam não conseguiam se adaptar com a paralisia e os cuidados necessários de Bandit, e ele foi devolvido 3 vezes.

cachorro com paralisia é adotado por homem mesma condição

Acolhimento

Assim como Bandit, Darrel tem paralisia desde que nasceu e necessita de uma cadeira de rodas para se locomover. Ele conta que a conexão que sentiu ouvir a história e o encontro com o cão fez com que a adoção fosse ainda mais especial.

“Passar pelo que passei crescendo, a vida não foi fácil, mas você tem que continuar para frente. As coisas que li sobre Bandit, e os vídeos que assisti, ele meio que tem a mesma ‘cabeça’ que eu tenho”, disse.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Conforte contou ao portal ABC7, Darrell e sua esposa Sue, debateram por um bom tempo sobre a adoção. “Isso é algo que pode motivar Darrell e ainda ajuda Bandit a entender que ele não está sozinho”, comentou Sue.

Agora, além de ganhar uma casa nova, Bandit ainda ganhou três irmãos na casa da família. “Como não se apaixonar por ele?”, ressaltou Darrell.

Veja também:

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Fonte: ABC7
Fotos: Reprodução / ACB7News

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM



Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
4,225,343SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Anjos existem! Homem encontra carteira perdida na Parada LGBT e vai atrás de dono na mesma hora

Imagine a seguinte situação: você está em um evento maravilhoso, se divertindo com seus amigos, quando descobre que sua carteira não está mais com...

Enfermeiro cubano salva bebê com o método da “mãe canguru”, na Argélia

A solidariedade tomou conta de todo mundo durante essa quarentena. A gente tem amado compartilhar esse momentos de empatia e, dessa vez, o motivo...

Desconhecidos ajudam neta que precisava de cadeira de banho para avó acamada

A avó de 84 anos vive acamada e sofre com as feridas espalhadas pelo corpo.

Lei que retirou 4,3 bilhões de sacolas plásticas de circulação comemora 2 anos no RJ

Desde que a Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj) aprovou a Lei 8.473/19, há dois anos, mais de 4,3 bilhões de sacolas plásticas...

Após veto do Uber a bairros de SP, moradores da periferia criam a Ubra

"A demanda está muito grande e a gente já está perdendo corrida"

Instagram