De cadeira de rodas ela criou 3 filhos, se formou e hoje trabalha

Texto originalmente publicado no site História do Dia.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Às vezes nós passamos por coisas que não entendemos muito bem, mas o segredo da vida é justamente fazer dos limões, limonada. Gostamos de contar histórias de superação, para mostrar que por mais que às vezes pareça difícil, nunca devemos abandonar nossos sonhos.

Luciane tinha apenas 19 anos quando sofreu um grave acidente de carro, que a fez sofrer um amassamento na medula, o que tirou-lhe o movimento das pernas e a fez ter de se acostumar a viver em uma cadeira de rodas. Nesta época ela tinha um filho de 7 meses e estava grávida de mais um, que acabou perdendo por causa do acidente. Graças a Deus, o bebê não sofreu nem um arranhão.

Ela afirma que no começo ficou revoltada e se perguntava por que aquilo tinha de acontecer com ela, mas aos poucos decidiu que não iria fazer o papel de vítima e que daria a volta por cima. Teve mais dois filhos, criou seus três filhos, cuidou da casa e quando eles já estavam grandes ela resolveu correr atrás de seu grande sonho: estudar psicologia.

Em 2011, quando ela tinha 48 anos, se formou em Psicologia. Ela conta que a faculdade sempre a apoiou: mudou a sala para o térreo, abriu um estacionamento e colocou um funcionário à disposição para Lucilene conseguir descer do carro.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Nem sempre foi fácil. Mas Luciane conseguiu e hoje ela já atua em seu consultório particular há um ano e meio. Ela diz que: “Eu amo o que eu faço. Cada paciente é único e eu me desligo do mundo quando estou com um paciente. É uma troca de aprendizados” e incentiva as pessoas a jamais deixarem de acreditar nelas mesmas.

Os outros e a própria sociedade vivem colocando na nossa cabeça de que não somos capazes de fazer tal coisa, de que jamais conseguiremos realizar tal sonho. Mas isso não é verdade. Quando queremos realmente uma coisa, nos esforçamos e corremos atrás, podemos realizar qualquer coisa! E Luciane é a prova viva disso!

Com informações de História do Dia – Fotos: Daniela Penha

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,780,571SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

PepsiCo realiza pedido de fã do Facebook de forma diferente

É comum que pessoas façam pedidos por produtos específicos ou pela volta deles em páginas de Facebook. Principalmente quando falamos de uma marca como...

“eu sou bonita”, “eu sou forte”: mãe e filha de 3 anos viralizam com vídeos de afirmação de autoestima

Scarlett Gray Smith, tem apenas 3 anos e uma autoestima encantadora! A menina de Myrtle Beach, na Carolina do Sul (EUA), publica vídeos diariamente junto...

Adolescente enfrenta preconceito e se torna manicure para sustentar irmã e sobrinhos

O adolescente Micael tem 17 anos e desde os 11 trabalha como manicure para ajudar a irmã no sustento de casa e na criação...

De novo, japoneses limpam estádio da Copa durante jogo de sua seleção

A faxina é um hábito milenar da cultura japonesa, chamado Oosouji, e que os japoneses repetiram no jogo de sua seleção contra a Colômbia na Copa da Rússia.

Homem com paralisia escreve com a mente após pesquisadores implantarem microchip em seu cérebro

Um homem com paralisia que, após uma lesão na medula espinhal em 2007, acabou perdendo todos os movimentos abaixo do pescoço, foi finalmente capaz...

Instagram