Cadela diagnosticada com câncer terminal é levada para uma viagem de despedida emocionante

Bella, uma labradora fêmea, foi diagnosticada com câncer em maio de 2015. Na época, os veterinários lhe deram apenas seis meses de vida.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O dono da cadela, o norte-americano Robert Kugler, ficou extremamente triste com o diagnóstico da sua companheira. Mas, antes que Bella fizesse sua passagem, os dois embarcaram em uma viagem emocionante pelos Estados Unidos.

“Partimos nessa aventura pelo país para explorar o território, visitar amigos, encorajar outras pessoas a viajarem e conhecer novos lugares, inspirar pessoas com deficiência a continuarem amando suas vidas, a aproveitarem cada momento, e claro, curtir a companhia dos outros”, escreveu Robert no Facebook.

Robert e Bella vivem em Nebraska, de onde partiram rumo ao nordeste do país, cruzando toda a costa leste. Em seguida, a dupla partiu para o sul até a Flórida. “Sinto que agora esse é o propósito da minha vida, viajar com o meu cão”.

A viagem também ajudou Robert a lidar com perdas do passado. “Perdi meu irmão no Iraque, em 2007, e minha irmã mais velha em um acidente de carro há duas Páscoas. Quando você vê vidas terminarem pouco antes de as pessoas realizarem seus sonhos, sua perspectiva de vida muda”, disse.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Veja algumas imagens:

cao-cancer-terminal

cao-cancer-terminal-02

cao-cancer-terminal-04

cao-cancer-terminal-05

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

cao-cancer-terminal-06

cao-cancer-terminal-07

cao-cancer-terminal-08

cao-cancer-terminal-09

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

cao-cancer-terminal-capa

Com informações do Catraca Livre

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,782,693SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Professor fala sobre transexualidade a crianças do jardim de infância no Canadá

O professor canadense Asladair bateu um papo com crianças do jardim de infância sobre pessoas trans: "Uma conversa simples, mas que foi impactante".

Com R$ 5.000 e cansados de esperar, moradores constroem ponte orçada em R$ 270 mil

Por duas décadas, os moradores dos bairros da Nova Esperança e São Luiz, em Barra Mansa, no Rio de Janeiro, aguardaram a prefeitura contruir a ponte...

Startup testa remédio digital para curar dores crônicas

Tratamento à base de luz trata 90% dos tipos de dores, inclusive as crônicas.

Filho dá comida na boca da mãe com demência, como ela fazia quando ele era bebê

Nossos pais deram a vida por nós, nos alimentaram, trocaram nossas fraldas e nos mostraram o mundo. No entanto, a vida passa e uma...

Colégio tradicional no Rio acaba com distinção de uniforme por gênero

O Colégio Pedro II é um dos mais tradicionais do Rio de Janeiro, mas acaba de extinguir uma tradição que não faz o menor...

Instagram