Cadelinha que pedia carinho em mercado foi resgatada à beira da morte e hoje ‘trabalha’ em oficina

Na saída de um supermercado de Catanduva, no interior paulista, a esteticista Letícia Américo, 24, avistou uma simpática cadelinha que estava ‘acenando’ com a pata para chamar atenção dos clientes e receber carinho.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Curiosa com a cena, ela resolveu gravar tudo no celular e publicou nas redes sociais. Não demorou muito para o vídeo viralizar, alcançando centenas de milhares de visualizações em questão de dias.

Segundo Letícia, a gravação ocorreu no início deste mês, logo após fazer as compras do mês no mercado, localizado no bairro Vila Guzzo. “Minha mãe viu o dono amarrando [a cadela] para fazer compras e me avisou. Virei e fiquei olhando. Ela realmente cumprimentava todo mundo que passava. Achei muito fofo e comecei a gravar”, disse.

cadelinha acenava e pedia carinho em supermercado vídeo

O mais legal é que não havia cliente que conseguisse ‘resistir’ aos olhares e gestos da cadela: todos faziam questão de tirar um tempinho para fazer carinho e cumprimentar o animal.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Minha mãe também não aguentou e foi passar a mão. Gravei algumas partes pelo Instagram, juntei, coloquei uma música e publiquei. O vídeo estourou. Deu mais de um milhão de visualizações”, contou a esteticista.

“Achei muito fofo. Fiquei realmente apaixonada. [A cadelinha] é muito educada. Ela estava brincando. Parecia que queria chamar a atenção para ganhar carinho”, explicou.

cadelinha acenava e pedia carinho em supermercado vídeo

Cadelinha foi resgatada à beira da morte e hoje ‘trabalha’ como chefe de oficina

Agusta, como foi batizada pelo customizador de carros Jeferson Alexandre, 53 anos, foi resgatada à beira da morte em 2019 e hoje é considerada a funcionária ‘chefe’ da oficina do tutor.

Jeferson conta que adotou a simpática cadelinha após ver um post nas redes sociais que denunciava os maus-tratos que ela estava sendo submetida.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Ela estava toda machucada, não conseguia andar e tremia de medo. Deixaram a cachorra para morrer. Não conseguia acreditar. Fiz o resgate e levei a cachorra na veterinária. Ela ficou internada por uma semana”, relembrou.

Após receber alta do veterinário, Agusta ganhou um novo lar e um “cargo” na empresa do pai adotivo.

“Ela ainda tinha medo das pessoas quando veio para a minha oficina, mas, com o tempo, foi criando confiança e virou essa coisa que vemos no vídeo. Ela é a funcionária chefe da oficina desde 2019”, brincou Jeferson.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

De acordo com o tutor, a cena em que a cadelinha ‘acena’ para as pessoas em busca de atenção faz parte do seu dia a dia.

“Trabalho com customização de motos. Todos os meus gatos e cachorros têm nome de marcas de moto. Eles estão acostumados com as pessoas entrando e saindo. A Agusta aprendeu a dar a patinha. Ela recebe todo mundo dessa forma e acaba ganhando carinho. Quem resiste, né?”, brincou.

O customizador costuma levar a fiel companheira até o supermercado quando precisa fazer compras.

“Ela me leva para passear, fica esperando e acena com a patinha para todos que saem do supermercado. Não estava sabendo do vídeo, mas não fiquei tão surpreso com toda a repercussão, porque a Agusta é uma verdadeira figura”, contou.

A cadela tem uma vida livre: como os outros animais de Jeferson, ela fica solta na oficina e sai de vez em quando para viver algumas ‘aventuras’.

“Um dia fui buscar marmita no supermercado e me deparei com a Agusta. Os funcionários me disseram que a Agusta sempre vai almoçar no supermercado. Depois que me toquei que é por isso que cachorra não come a ração. Ela também já apareceu na oficina com um saquinho de salgadinho na boca”, contou.

E a pequena não ‘acena’ com a patinha só pra receber carinho: trata-se de uma tática para livrá-la de situações constrangedoras.

“Teve uma vez que a Agusta fez coisa errada na oficina. Tentei ficar bravo, mas não consegui. Ela começou a levantar a patinha para pedir desculpas. Como ficar bravo? Não tem como”, concluiu o tutor.

Confira o vídeo:

Veja também:

Fonte: Amo Meu Pet
Fotos: Reprodução / Instagram: @esteticaleticiaamerico

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM




Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,827,226SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Projeto faz um convite por dia para sermos mais civilizados e melhorar o país

Uma fechada no trânsito aqui, uma furada de fila ali, uma sujeirinha no chão. São pequenas corrupções cotidianas como essas que incentivaram o engenheiro...

A Flor Do Daniel

Um relato sobre amizade: "Toda vez que minha mãe vê uma florzinha dessa ela diz: a flor do Daniel. Um dia eu perguntei pq, eis...

Blogueira cadeirante fala sobre autoaceitação e como é possível ter uma vida feliz sobre duas rodas

Desde que ganhou uma câmera profissional, em 2015, a blogueira Roberta Caroline Oliveira da Silva, 27, de Guaxupé (MG), teve a ideia de lançar...

Vizinhos aprendem língua de sinais para se comunicar com garotinho surdo

Wuustwezel, na Bélgica, é uma cidade bem pequena (apenas 18 mil habitantes), mas os moradores de lá, a tornaram gigantes! É que, para conseguir interagir...

Virada Sustentável chega em sua 5ª edição com programação especial em São Paulo

Já adiantamos aqui em outro post o app oficial da Virada Sustentável, o maior Guia Interativo de Sustentabilidade. E agora, o evento que chega em...

Instagram