Caldeira inovadora vaporiza lixo e o transforma em energia limpa – sem poluir o meio ambiente

Uma nova e empolgante startup tecnológica promete gerar energia limpa vaporizando pilhas e mais pilhas de lixo, sem desperdício e emissões poluentes, que comprometem a atmosfera terrestre.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

A empresa Sierra Energy pretende combater todo o lixo não reciclável que acaba nos aterros sanitários – de detritos de plástico contaminados a pneus de veículos.

A caldeia modificada utiliza uma tecnologia de gaseificação batizada de “FastOx”, que aquece o lixo a 2.200 graus Celsius – duas vezes mais quente que o coração de um vulcão ativo.

Embora pareça que isso exija uma quantidade enorme de energia, o sistema é capaz de gerar tamanho calor apenas injetando oxigênio puro no ‘forno’. O oxigênio então reage imediatamente com o carbono que emana do lixo apodrecido, gerando monóxido de carbono e hidrogênio. O vapor é então bombeado de volta para a caldeira, para manter a temperatura interna.

Caldeira vaporiza lixo transforma energia limpa sem poluir meio ambiente

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O combustível feito a partir da tecnologia FastOx é 20 vezes mais limpo que os padrões de combustível da Califórnia, o estado mais rico dos EUA. E todos os gases gerados nesse processo químico são capturados para reutilização – como por exemplo, substituindo os combustíveis fósseis que alimentam os aviões ou para uso como fertilizantes.

No início desta semana, a Sierra Energy anunciou que fechou uma parceria que garantirá um investimento de US$ 33 milhões (R$ 130 milhões) para continuar a desenvolver, aprimorar e comercializar sua tecnologia para estados e municípios dos EUA.

A empresa também visa fazer parcerias com os aterros sanitários, que serão sua fonte de conversão de detritos poluentes em energia limpa e renovável.

Leia também: 

“O mundo está se afogando em lixo que, quando aterrado, se torna um dos principais geradores de metano, um gás de efeito estufa 86 vezes mais prejudicial ao nosso clima do que o dióxido de carbono”, disse Mike Hart, CEO da Sierra Energy.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Nossa tecnologia de gaseificação FastOx pode converter esse lixo de forma eficiente e econômica em eletricidade, hidrogênio, gás natural renovável, diesel, amônia e uma variedade de outros produtos valiosos. Quando você combina nossa tecnologia com a reciclagem e outras estratégias de desvio de resíduos, você tem a solução para o problema mundial de resíduos poluentes, bem como uma fonte valiosa de energia renovável”, concluiu.

Veja o vídeo de como a FastOx funciona:

Você conhece o VOAA? VOAA significa vaquinha online com amor e afeto. E é do Razões! Se existe uma história triste, lutamos para transformar em final feliz. Acesse e nos ajude a mudar histórias.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Fonte: GNN/Fotos: Reprodução/Sierra Energy

Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
2,851,931SeguidoresSeguir
25,005SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Por que cuidar da saúde deve estar no topo da sua lista de resoluções para 2019?

Não é pelo peso! Quando o peso tem um impacto sério na saúde, a solução pode ser a cirurgia metabólica. Entenda.

Filho de Susan Sarandon usa vestido e ela acha ótimo

Além de talentosa, simpática, inteligente e inspiradora, Susan Sarandon é uma defensora da causa LGBT. Aos 68 anos, ela é ativista na ONG The Trevor Project, que...

Paris vai possibilitar que moradores plantem árvores frutíferas em espaços públicos

A Prefeitura de Paris vai emitir uma licença para que os moradores da cidade possam plantar espécies de árvores frutíferas e flores em espaços...

Funcionário de cinema na Bahia se aproxima de garotinho autista e o conquista com gesto emocionante

Vanessa, a mãe de Ben descobriu que o filho é autista, e conta a sua batalha diária para que o filho tenha uma vida normal e ativa. Conta que arriscou levar o filho ao cinema, e foi ai que teve uma experiência surpreendente com Ben graças à Gabriel, atendente da rede Cinemark.

Fotógrafo viaja o mundo registrando o cotidiano de homens gays

Kevin Truong, 31 anos, começou a viajar o mundo. Criador do 'The Gay Men Project', Kevin passou a registrar momentos do cotidiano de homens...

Instagram

Caldeira inovadora vaporiza lixo e o transforma em energia limpa - sem poluir o meio ambiente 2