Campanha conscientiza sobre os 33 mil brasileiros à espera de um transplante

Existem muitos estigmas em torno do transplante de órgãos. A família do possível doador exerce um papel essencial na doação: a decisão de autorizá-la ou não.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Apenas 57% das famílias no Brasil autoriza a doação. Os outros 43% esbarram na falta de conhecimento sobre o tema. Atualmente, cerca de 33 mil brasileiros estão à espera de um transplante. A conscientização parece ser a melhor solução para o problema.

É nisso em que acredita o cantor paulistano Bruno Saike. Desde 2014, ele coordena a campanha #JUNTOS, sobre doação de órgãos. O projeto consistiu em dois vídeos até o momento: o primeiro, em 2015, reuniu mais de cento e trinta personalidades como Lionel Messi, Laura Pausini e Marina Ruy Barbosa; o segundo, em 2016, contou com a participação de cantores como Daniel, Jorge Aragão e Ivete Sangalo, reinterpretando em inglês “Sueño Dorado”, a canção marca da campanha, além de contar com a participação de Patch Adams, ativista e médico americano.

Com o sucesso e a repercussão do projeto ao redor do mundo, Bruno recebeu este ano a medalha de ouro do SaludFestival, renomado festival de publicidade em Málaga, na Espanha. Ele foi eleito pela ESOT (European Society for Organ Transplantation) embaixador para o Cone Sul e América Latina. O cantor da banda He Saike enxerga nessa iniciativa a chance de conscientizar as pessoas sobre um tema tão importante e, através da arte, fazer a diferença e deixar um legado do qual se orgulhe.

“O entretenimento tem por obrigação levantar temas sociais. Você atinge com muito mais facilidade e de uma maneira muito mais precisa as pessoas quando você aponta essas questões de uma forma mais leve. Levantar a voz, bater no peito e reclamar não são as melhores alternativas. Através da arte, e principalmente da música, um discurso dessa magnitude é muito melhor entendido e aceito pelos outros, ainda mais quando se trata de uma temática como essa que precisa da atenção de todos”, diz o cantor.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Neste ano, Bruno se prepara para a terceira parte do projeto: um álbum com a colaboração de treze artistas e bandas, entre eles NX Zero, Pitty, Sorriso Maroto e Falamansa, além da própria He Saike, onde Bruno é vocalista, que terão suas músicas figuradas na coletânea distribuída pela Deckdisc. O site de divulgação do álbum conta com um campo que permitirá ao usuário contribuir diretamente com a ABTO, entidade da área referência em âmbito nacional. A coletânea estará disponível em todas as plataformas digitais de streaming.

Assista aos dois primeiros vídeos da campanha #JUNTOS:

crédito da foto: Reprodução/YouTube Venom Produções

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
2,833,091SeguidoresSeguir
24,700SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Brasileiros ajudam peruano que dorme na rua e não consegue voltar para seu país por conta da pandemia

Há mais de um mês o peruano está morando na rua da pequena cidade de Balsas, no Maranhão.

Homem usa ônibus para salvar mais de 100 cães de enchente no RS

Alvorada, uma pequena cidade na região metropolitana de Porto Alegre, sofreu severamente com um enchente nos últimos dias. Um dos atingidos, e que perdeu quase...

Este povoado no Acre tem a economia baseada em troca – e dá muito certo

O Acre existe sim! O antropólogo Roberto Rezende foi matar a curiosidade e decidiu conhecer um pouco mais dos habitantes da reserva extrativista de Alto...

Netflix lança série animada só com músicas dos Beatles

Eu sou suspeito, adoro muitas das produções feitas pelo Netflix, com um big data monstruoso e um tino para se comunicar de forma bastante...

Documentário mostra pessoas que mudaram radicalmente de profissão e são mais felizes

Conheça a história de três pessoas que largaram o seu trabalho convencional para seguir um mais "alternativo", diferente do que nossa sociedade espera, mas...

Instagram

Campanha conscientiza sobre os 33 mil brasileiros à espera de um transplante 1