Campanha educa crianças para se protegerem de violações sexuais

Quase sempre, os adultos se enrolam para falar sobre violações sexuais com as crianças. A conversa segue um caminho que não era para seguir, e a criança acaba entendendo nada daquilo que o adulto falou.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Por isso, iniciativas como a campanha ‘Defenda-se’, sobre a autodefesa das crianças frente a violações sexuais, são necessárias e importantes para as crianças saberem quando seus corpos sãos violados e a maneira correta de denunciar esses abusos.

Leia também: Na Índia, sexo com menores passa a ser considerado estupro (mesmo dentro do casamento)

Em 2018, a campanha chega ao seu quarto ano. Destinada a crianças de 5 a 12 anos, foi desenvolvida pela Rede Marista de Solidariedade, através do Centro Marista de Defesa da Infância, uma organização que atua na defesa e promoção dos direitos da criança e do adolescente.

A animação é inspirada no Plano Nacional de Enfrentamento à Violência Sexual Contra Crianças e Adolescentes, especialmente no eixo ‘Prevenção’, que assegura a realização de ações preventivas contra o abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

campanha violações sexuais crianças
A animação ensina às crianças como se protegerem e denunciarem violações sexuais

Ainda responde ao 3º Protocolo Facultativo da Convenção da Convenção sobre os Direitos da Criança, da ONU, que prevê a possibilidade da criança denunciar violações de seus direitos à entidade – infelizmente, o Brasil não assinou o documento.

Com pouco mais de 2 minutos, a Defenda-se incentiva as crianças a ficarem atentas para perceber os toques que causam sentimentos ruins e ter coragem para dizer ‘não’ ao agressor, além de procurar adultos de confiança para se proteger das violações.

A página do Facebook Storyline BR postou o vídeo, que rapidamente viralizou e já tem mais de 2 milhões de visualizações. Assista:

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Visite o site da campanha para saber mais e assista a mais vídeos no canal da Defenda-se no YouTube.

crédito da foto: Reprodução/Defenda-se

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM






Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,995,673SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Como a meditação reabilitou presidiários na maior prisão da Índia

A maior parte dos presos, submetem-se a uma profunda mudança, vendo o fato de estarem encarcerados como o recomeço de uma nova vida.

Projeto Biografias Coletivas traz histórias inspiradoras de empreendedoras da periferia de SP

O projeto transformou as histórias de cinco empreendedoras da periferia de São Paulo em livros.

Jovem leva mãe paraplégica para surfar de pé na prancha

Mesmo depois de um grave acidente de carro que a deixou paraplégica, Pascale Honore não esqueceu o sonho de um dia surfar. Com a ajuda de...

Abandonado pelo pai, americano cria canal ‘Pai, como faço?’ para ajudar crianças órfãs

Assim como outras crianças no mundo, Rob Kenney cresceu sem uma figura paterna. Abandonado pelo próprio pai quando tinha apenas 12 anos, este episódio,...

Creche ao ar livre em Londres não tem paredes, nem salas de aula

Já mostramos aqui uma vez, uma escola onde as aulas acontecem dentro da floresta, nos EUA (relembre aqui). Pois descobrimos uma outra, a escola Into...

Instagram