Conheça 5 campanhas que você pode apoiar e fazer o dia de uma criança mais feliz!

No próximo dia 12 comemora-se o Dia das Crianças e acreditamos que esta data é uma oportunidade para estender as mãos e fazer deste dia, o mais especial para elas!

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Para quem não pode doar o seu tempo fazendo alguma ação, existem outras formas de ajudar! Na VOAA temos vaquinhas que mudarão a vida de crianças. Cada uma possui a sua história e sonhos. São sonhos que você pode ajudar a serem realizados!

Abaixo separamos 5 campanhas que você apoiando, fará o Dia das Crianças delas mais feliz! Confira:

#1 Menino vende desenhos no portão de casa para ajudar a família e comprar telas

No bairro Zé Pereira, periferia de Campo Grande, Kayque Alexandre Amâncio Rodrigues decidiu pôr os seus desenhos à venda no portão de casa. Cada desenho autoral, feito em papel A4, ele vende por R$ 1,50 com o objetivo de juntar dinheiro para ajudar a família e comprar telas.

O sonho dele é comprar um computador para fazer os seus desenhos e estudar, e de um dia, dar à família uma casa. Para ajudá-lo a realizar esses sonhos, lançamos a sua vaquinha na VOAA. Clique aqui e contribua!

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

menino que vende desenhos em frente o portão de casa
Kayque vende seus desenhos no portão de casa para ajudar a família e comprar telas. Foto: Arquivo Pessoal

#2 Garoto que sonha ter bateria ganha do pai instrumento improvisado

O Isaque é um menino de 10 anos e um admirador da música. Desde os 8 anos, após frequentar a banda da igreja do bairro em que vive, Gilberto Mestrinho, em Manaus (AM), tem alimentado uma grande paixão em tocar bateria. Sem condições de comprar o instrumento para o filho, o pai e auxiliar de produção, Julio Cesar Gama Cardoso, 42 anos,fez para o filho uma bateria improvisada!

Para ajudá-lo a realizar o sonho do filho de ter uma bateria, lançamos a sua vaquinha na VOAA. A vaquinha também é para ajudar a família a reformar a casa que eles subiram no fundo do quintal da casa da sogra. Clique aqui e contribua!

menino em frente a bateria improvisada que o pai fez
Isaque ama bateria e pratica no instrumento improvisado que o pai fez para ele. Foto: Arquivo Pessoal

#3 Instituição fabrica cadeira de rodas especial para crianças com doença rara poderem brincar!

A instituição Apraespi (Associação de Prevenção, Atendimento Especializado e Inclusão da Pessoa com Deficiência) precisa de ajuda para atender a uma grande fila de espera com 100 crianças carentes com mielomeningocele e outros tipos de dificuldade de locomoção que necessitam da cadeira de rodas especial para terem autonomia e uma infância com melhor qualidade de vida!

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Para ajudá-los a atender primeiramente 50% dessas famílias carentes, lançamos a vaquinha na VOAA. Clique aqui e contribua.

criança em cadeira de roda especial
Permitir que a criança tenha autonomia e liberdade para se locomover e brincar, algo que uma cadeira de rodas convencional não proporciona, esse é o objetivo e o diferencial da cadeira de rodas especial Brincadeira. Foto: Divulgação/ Apraespi

#4 Após ninguém aparecer no chá de bebê, jovem mãe recebe apoio de internautas

A Vanessa Oliveira tem 17 anos, mora em Taubaté (SP) e em agosto deste ano quis fazer um chá de bebê tardio. Ela quis celebrar a chegada do Arthur, um bebê que ela deu à luz sem ter conhecimento! Isso mesmo, Vanessa e nem os médicos sabiam que ela estava grávida, já que ela não apresentava os sinais de uma gestação, entre eles, a barriga.

Porém, mesmo com as dificuldades, ela foi incentivada pela mãe Eliane Maciel de Oliveira, 43 anos, e a irmã Danielle Oliveira, 23 anos, a fazer o chá de bebê na casinha simples em que vivem, infelizmente, quando chegou o dia 25 de agosto, ninguém compareceu.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O bebê precisa de fraldas P e enxoval, já que com o chá de fraldas, não conseguiu nada. Para ajudá-la com os cuidados do bebê abrimos a sua vaquinha na VOAA. Clique aqui e apoie. O sonho da família também é terminar a casa e dar um lugar melhor para o bebê crescer.

mesa de chá de bebê simpes que ninguém compareceu
A jovem Vanessa ficou horas tentando deixar a casa um pouco mais apresentável para receber os convidados, mas ninguém apareceu no chá de bebê. Foto: Arquivo Pessoal

#5 ONG leva ajuda humanitária a famílias que vivem no lixão do Jardim Gramacho (RJ)

No bairro Jardim Gramacho (RJ), funcionou, entre 19976 e 2012, o maior lixão da América Latina. Foi em cima dele que várias famílias construíram suas vidas! São pessoas que sobreviviam da coleta de recicláveis do lixão.  Com o aterro desativado, os catadores ficaram desempregados e, hoje, suas famílias sobrevivem dos lixos descartados ilegalmente por grandes empresas, inclusive de alimentos vencidos.

A médica e voluntária da ONG Corrente pelo Bem, Rafaela Bisson, juntamente com outros voluntários da instituição, tentam levar às famílias atendimento médico, além de alimentação, roupas e muito mais.

duas crianças negras do bairro Jd. Gramacho
Famílias sobrevivem dos lixos descartados ilegalmente por grandes empresas, inclusive de alimentos vencidos. Foto: Arquivo pessoal

Para ajudar a ONG com os trabalhos, criamos uma vaquinha na VOAA. O valor de R$ 35.500 é para a construção de uma sede no local, para que possam estocar as doações e facilitar a distribuição para as famílias, e o valor que conseguirmos a mais, será para a compra de um carro e com ele, buscar mais doações. Clique aqui e contribua.

Vamos proporcionar a essas crianças um dia inesquecível? Clique aqui e acesse as vaquinhas da VOAA!

 

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
2,829,971SeguidoresSeguir
24,599SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Etna retira a palavra ‘criado-mudo’ de seu catálogo para combater o racismo

O termo, que tem dois séculos, é uma herança do nosso passado escravagista e hoje é considerado racista.

Com apoio de internautas, vendedora recebe R$41 mil em doações para reconstruir sua casa incendiada pelo ex-marido

Aiii, gente, me segura!! Batemos a meta da vaquinha para reformar a casa da Samara, incendiada pelo ex-marido, após não aceitar o fim do...

Filhos compram Mustang que pai vendeu para tratar mãe com câncer

O pai até evitou tocar o Mustang num primeiro momento para não despertar do ‘sonho’ que estava vivendo.

Menina de 7 anos emociona ao construir reservatório para animais abandonados

A inocência das crianças sempre vem junto com a bondade. Giovanna, de apenas 7 anos, é a prova disso.

Professora une estudantes indisciplinados com afeto e criatividade

Uma fórmula infalível para acabar com a indisciplina e as divisões.

Instagram

Conheça 5 campanhas que você pode apoiar e fazer o dia de uma criança mais feliz! 1