Trio de alunos do ensino médio cria projeto para ensinar jovens carentes a empreender

Fernando Ochman, 17 anos, Mario Riguzzi, 16, Nicholas Masagão, 16, estão no ensino médio e tiveram uma ideia genial.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Eles são idealizadores do projeto “FEB – Futuros Empreendedores Brasil”, lançado no início de 2016, um projeto onde o principal objetivo é ensinar jovens de baixa renda a empreender.

O trio de alunos do ensino médio da rede privada dá aulas voluntariamente, aos sábados, para  jovens de baixa renda no bairro do Campo Limpo, zona sul de São Paulo.

Eles elaboraram de forma didática conteúdos básicos de economia, gestão financeira e de negócios, e até debates sobre atualidades.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Com isso em mãos, levaram a proposta para a ONG Projeto Arrastão, primeira entidade a apoiar e ser parceira da iniciativa.

A instituição faz o acolhimento e dá suporte às famílias da região do Campo Limpo que vivem em condição de pobreza

“O objetivo do curso Futuros Empreendedores é deixar um legado positivo na vida dos jovens que dedicaram seu tempo livre para expandir seu conhecimento”, diz Mario.

Em 2017, o projeto ganhou dois desdobramentos. Os garotos queriam que os alunos também saíssem da sala de aula e assim nasceu o “Minha Fábrica”.

Apesar de o nome remeter à indústria, a iniciativa visa promover a visita a qualquer empresa, onde esses jovens terão contato com todo o processo de produção e/ou com os representantes de diferentes áreas. O objetivo é mostrar o dia a dia de um profissional e criar uma rede de relacionamento, além de abrir o campo de visão de profissões e atividades existentes.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Já o “Minha Voz” visa motivar e aproximar desses jovens pessoas que viveram e vivem histórias para inspirar, incluindo seus medos, fracassos e acertos, e tudo o que as levou a chegar onde estão.

“Futuramente, esperamos formar uma grande rede de contatos onde os novos empreendedores possam se conectar para o desenvolvimento de seus projetos”, finaliza o jovem empreendedor Nicholas Masagão.

Para mais informações:

 [email protected]gmail.com

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Foto: Divulgação

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
4,256,096SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Jovem cria varal e armário solidários, com doação de roupas e alimentos em Cotia (SP)

‘Se precisar, pegue, se puder, doe, se precisar e puder, faça a troca’.

Enfermeira faz cartinha para consolar mãe que perdeu bebê: ‘Acalento pro coração’

"Ela o aninhou. Uma lágrima rolou no canto dos olhos. De repente me lembrei de Maria e seu filho Jesus morto. A cena era tocante", relembra a enfermeira.

Ex moradora de rua hoje é dona de sua própria construtora

April Malloy era uma sem teto. O livro Seu Sonho tem Futuro veio para que você viva seu sonho e crie renda extra, sem gastar dinheiro próprio! Mas...

Mineiro vence preconceito, se forma em universidade americana e volta vitorioso

Após quatro anos estudando nos Estados Unidos, Alayê de Brito, 26 anos, retornou ao Brasil com o diploma do Colégio Spring Hill em mãos. Alayê...

Gata com cromossomo extra ensina crianças sobre inclusão e respeito às diferenças

Pouco depois de nascer, a gata Maya foi encontrada em uma lixeira por voluntários da ONG Odd Cat Sanctuary e levada para um abrigo,...

Instagram