Carpinteiro encontra R$ 2 mil e passa 20 dias procurando o dono no PI

José Erisvaldo é morador do município de Brasileira, localizado a 160 km de Teresina. O carpinteiro passou quase um mês tentando localizar o comerciante Carlos Borges, morador de Piripiri, dono da quantia de R$ 2,3 mil que ele encontrou quando passava pela BR-243, no início de abril.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

A irmã de Erisvaldo, Charlane Sousa, registrou a devolução do dinheiro – um grande exemplo de honestidade – e compartilhou em seu perfil no Facebook. “Tem coisas que não tem valor e honestidade é uma delas”, escreveu ela. O irmão voltava para casa quando avistou o dinheiro espalhado pela pista e um cartão com poucas informações.

Segundo informações do G1, no cartão, havia o nome de uma pessoa chamada Tertuliano. Sousa foi procurar o homem, mas descobriu que ele tinha se mudado e ninguém sabia endereço. Contudo, ela seguiu procurando, até obter a informação de que ele poderia estar internado no Hospital Chagas Rodrigues, na cidade de Piripiri.

carpinteiro-devolve-dinheiro-para-comerciante-no-Piauí

Porém, ao chegar no hospital, ela descobriu que esse Tertuliano não era o dono do dinheiro que o irmão encontrou – Borges fornecia alimentos para Tertuliano e, por isso, o cartão estava junto com ele.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Borges usaria o dinheiro para pagar algumas contas – os boletos estavam atrasados já havia um mês. Ele quase não acreditou quando recebeu a ligação de Erisvaldo – achou que era um trote –, dizendo que tinha encontrado seu dinheiro.

Leia também: Motorista de ônibus em Campinas encontra pasta de dinheiro e devolve ao dono sem pensar duas vezes

O comerciante ficou bastante emocionado quando recebeu o dinheiro, após vinte dias, e, como agradecimento, deu a Erisvaldo a quantia de R$ 200. E não é a primeira vez que o carpinteiro toma essa decisão. Ele disse que há alguns anos encontrou um valor semelhante e também devolveu.

Apesar de muita gente falar para ele desistir de procurar Borges, com a ajuda da irmão, e gastar todo o dinheiro, Erivaldo insistiu, por uma simples razão: o dinheiro não era dele.

Foto: Reprodução/Facebook

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

Relacionados

MARCAS QUE NOS APOIAM



Quer receber boas notícias todas as manhãs?

996,531FãsCurtir
1,940,187SeguidoresSeguir
9,507SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

USP cria ventilador pulmonar de baixo custo com tecnologia 100% brasileira

Cientistas da USP desenvolveram um protótipo de ventilador pulmonar emergencial capaz de ser produzido em massa para atender a demanda hospitalar de pacientes infectados...

Homem planta 152 milhões de árvores e refloresta manguezal sozinho no Senegal

Um homem aposentado plantou incríveis 152 milhões de árvores em um intervalo de 10 anos às margens do rio Casamansa, no Senegal. Plantando sem parar...

Nesse hotsite especial agrupamos vagas home office para ajudar você

Por conta do coronavirús, as empresas estão adotando o home office para driblar a crise. Para ajudar você que perdeu ou busca por um...

Idoso de 80 anos constrói trenzinho para cães que resgatou das ruas

Um idoso de 80 anos passa seu tempo livre operando o que provavelmente pode ser o trem mais divertido do mundo! O senhor Eugene Bostick...

Cliente antecipa pagamentos para salão de sobrancelha passar por crise do coronavírus

A servidora pública Débora Benon, de Brasília (DF), tinha uma viagem planejada com o marido e os três filhos no início de abril. Mas veio...

Instagram