Após segurar cartaz em semáforo (e ser ridicularizado), homem consegue emprego em Palmas

Clique e ouça:

O que um pai de família, com dois filhos – um de 9 anos e um de 12, desempregado, com várias contas atrasadas e pensão alimentícia para pagar, faz quando fica até um ano procurando emprego sem sucesso? Edvaldo de Mendonça Lira, que vive em Palmas, no Tocantins, foi para as ruas com um cartaz de papelão improvisado, pedindo por um emprego.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Edvaldo tem 36 anos e é de Recife, mas chegou com sua família em Palmas há cerca de dois meses. Desesperado em busca de um emprego, a solução que ele encontrou foi esta e apesar de ter sido difícil, ele não se arrepende, já que conseguiu um emprego de vigilante na Assembleia Legislativa. “Eu não esperava tanta repercussão, mas tinha certeza que ia conseguir. Cheguei a pensar em desistir. Houve um momento em que o sol estava muito forte, senti muita sede e fome. Muitas pessoas riram de mim, mas eu não fiquei com vergonha. Também teve muita gente tirando foto e pensava que alguém poderia ver a imagem. Essa divulgação boca a boca que eu queria.” 

Leia também: Desempregado e sem dinheiro, homem faz cartão de visita caseiro e bomba na web

Quando ele estava no semáforo mais movimentado da cidade pedindo por um emprego, uma estudante, Erica Regina de Farias Ferreira , tirou uma foto e compartilhou nas redes sociais. A sua determinação acabou chamando a atenção de Joseph Madeira, diretor de uma empresa de serviços terceirizados, que contratou Edvaldo para trabalhar na Assembleia.

Depois que o segurança foi para as ruas em busca de uma colocação no mercado de trabalho, ele acabou recebendo mais de 50 propostas de emprego, mas optou por trabalhar na empresa em que está hoje por ter se sentido acolhido e muito bem recebido.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Infelizmente, Edvaldo afirma que sofreu preconceito quando fazia entrevistas de emprego, por ter sotaque e por ser de outra cidade, mas agora as coisas mudaram e ele já começou um novo capítulo de sua vida. Hoje, ele agradece on bons resultados de sua ação e afirma: “Sou grato à solidariedade dos palmenses e as pessoas que multiplicaram o meu grito silencioso”.

Após segurar cartaz em semáforo (e ser ridicularizado), homem consegue emprego em Palmas 1

Com informações de Leia Já

Foto: reprodução Facebook / Leia Já

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,077,383FãsCurtir
2,422,376SeguidoresSeguir
20,602SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Confeiteira é humilhada por cobrar taxa de entrega de R$2 e recebe apoio de internautas

A confeiteira Ângela Oliveira foi humilhada por uma cliente que se recusou a pagar a taxa de entrega do seu bolo de pote. Na troca...

Sogro anda de mãos dadas com genro para ajudá-lo a superar medo de sair na rua com o namorado

Fran guarda algumas memórias ruins de um passado recente, quando ele sofreu preconceito por ser homossexual. O jovem foi agredido fisicamente, além de ter passado...

Policial compra bolo de aniversário para jovem que chorava por terem esquecido a data

O que você faria se todo mundo que você conhecesse esquecesse de seu aniversário? Esta situação, hipotética para muitos, aconteceu com um garoto tailandês....

Após 8 anos presos em gaiolas, leões de circo são resgatados e pisam na grama pela primeira vez

Não é de hoje que percebemos uma mudança radical nos cuidados aos animais de circo. O público tem cobrado mais responsabilidade com espaço, alimentação...

Depois da formatura, ela foi até o trabalho de seu pai, que é pedreiro, para agradecê-lo

Se tem uma coisa que a paraguaia Yudit Romero reconhece é o sacrifício que o pai fez para lhe dar a melhor educação possível. Don...

Instagram

Após segurar cartaz em semáforo (e ser ridicularizado), homem consegue emprego em Palmas 15