Mulher troca sua casa de quatro quartos por um apartamento pequeno para que uma família maior possa morar lá

Uma mulher de Dublin, de 70 anos de idade, abandonou voluntariamente sua casa de quatro quartos e mudou para um pequeno apartamento, para que uma família maior pudesse usar a sua casa.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Mulher troca sua casa de quatro quartos por um apartamento pequeno para que uma família maior possa morar lá 1

Ann recebeu as chaves de seu novo apartamento há alguns dias.

Ela decidiu há dois anos que deixaria sua casa, onde morava há 40 anos, para permitir que alguma família que precisasse de um espaço maior pudesse usá-la.

“Eu acho que é bom poder dar a oportunidade de uma família jovem ter um bom começo”, Ann disse ao The Journal.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Eu não acho que você deveria ter uma casa grande se você estiver sozinho. Eu me sentia culpada vivendo em uma casa grande sozinha.”

Ann disse que vai sentir falta da casa que teve, mas que está pronta para seguir em frente e começar uma vida em seu novo apartamento.

“Todos estão me dizendo: não devolva isso”.

E eu respondo: “É apenas uma casa!”

Via

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

 

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM



Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,092,098SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Detentos diminuem pena estudando e trabalhando fora do presídio

O objetivo é que o preso não deixe de estudar enquanto ele cumpre sua pena, mesmo se estiver trabalhando. Detentos matriculados na escola da penitenciária abandonavam os estudos depois que conseguiam o benefício do trabalho externo.

Vídeo de menina paraguaia cantando na horta com os avós emociona a web

“Ay, qué bonita es esta vida, aunque a veces duela tanto y a pesar de los pesares, siempre hay alguien que nos quiere, siempre...

Mãe diagnosticada com leucemia vive reencontro emocionante com a filha

Após um mês sem poder tocar na filha, só podendo vê-la por foto ou videochamada, Natalia viveu um reencontro emocionante com a pequena Vitória.

Primeira universidade construída com recursos próprios de um município é aberta em Estreito (MA)

Motivo de orgulho para os moradores do município de Estreito, no sudoeste do Maranhão, a construção do campus da Universidade Estadual da Região Tocantina...

Instagram

Mulher troca sua casa de quatro quartos por um apartamento pequeno para que uma família maior possa morar lá 3