Casal adota recém-nascido após perder duas filhas em 2 anos

A família Umezu, inicialmente composta por Tracy (mãe), Junji (pai) e Sophie (filha), sempre sonhou em formar uma grande família, com várias crianças pulando pela casa. Mas, depois de perderem duas filhas em apenas dois anos, esse sonho pareceu ficar um pouco distante. Mas só pareceu mesmo! 

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Neste ano, o pequeno Jacob, de apenas 1 mês, foi adotado pelos Umezu, levando toda a alegria e esperança de volta à família.

Família Umezu adota pequeno Jacob
A família Umezu adotou o pequeno Jacob, em fevereiro de 2021. Foto: Today

Na foto, Jacob deita ao lado de uma plaquinha que diz: “Nós não o trouxemos à vida, mas a vida trouxe ele até nós.” Agora, depois de sofrerem com a partida das outras duas filhas, os Umezu finalmente realizaram o sonho de constituir uma grande e linda família.

História de superação

Em 2014, quando Sophie, a filha mais velha do casal, já tinha 4 anos, Tracy e Junji deram à luz a Charlotte, segunda filha do casal. A criança nasceu com uma rara epilepsia e não tinha muito tempo de vida. Sabendo disso, o casal criou uma “lista” de coisas que gostariam que Charlotte fizesse até sua partida.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Nós queríamos que sua vida fosse repleta de alegria enquanto ela estivesse entre nós. Então, nossa família fez uma lista de coisas incríveis que gostaríamos que ela pudesse aproveitar. Fomos ao Hawaii, levamos ela até a Maratona das Cidades Gêmeas, visitamos zoológicos e fizemos muitos piqueniques.”

Em 2016, os medicamentos já não estavam mais funcionando e a bebê já não estava mais vivendo de forma confortável. Um tempo depois, a pequena Charlotte acabou falecendo.

Tracy Umezu com sua filha Charlotte, antes de partir.
Tracy Umezu com sua filha Charlotte, antes de partir. Foto: Today

Como Tracy teve algumas dificuldades na fertilização na época em que aCharlotte nasceu, a família começou um tratamento de fertilização para ter outro bebê. Um ano depois, Tracy descobriu que estava esperando gêmeas.

“O coração do segundo bebê parou de bater depois de 10 semanas, mas eu carreguei a Maggie sem nenhuma complicação.” Conta Tracy sobre sua terceira filha. “Aí, depois de 34 semanas, eu perdi a consciência e desmaiei no chão de casa. Eu quase não sobrevivi. Minha placenta se descolou por completo e, infelizmente, a Maggie acabou falecendo naquele momento”.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Sophie, a filha mais velha dos Umezu, com a pequena Maggie
Sophie, a filha mais velha dos Umezu, com a pequena Maggie. Foto: Today

Após essas complicações, o médico de Tracy achou melhor que ela não engravidasse mais. Ao ouvir isso, Junji, o pai, logo sugeriu a adoção.

Apesar do medo e, principalmente, por ainda não estar pronta, Tracy relutou. Mas, em uma viagem que fizeram para Israel com sua igreja, o casal começou a perceber muitas coincidências. A enfermeira de Charlotte também estava na viagem e a família acabou conhecendo um doutor que ajudava famílias em adoções.

A mãe sentiu que era o certo a fazer e decidiu aceitar a sugestão do marido. “Eu cheguei em casa sabendo que eu queria adotar, mas coloquei na minha cabeça que, se não desse certo, tudo bem. Ficaria muito desapontada, mas ficaria bem.”

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

A família começou o processo de adoção e recebeu todos os documentos necessários em novembro de 2020, na semana do aniversário da morte de Charlotte. Em fevereiro de 2021, receberam uma ligação sobre um bebê de apenas 2 dias que precisava de uma família adotiva.

Tracy e Junji Umezu com seu filho mais novo, Jacob
Tracy e Junji Umezu com seu filho mais novo, Jacob. Foto: Today

“Eu falei com a mãe biológica dele no telefone aquela noite, e e ela me pediu para manter o nome que ela tinha dado a ele. É claro que iriamos honrá-la dessa forma. Ela disse que o nome era Jacob e esse sempre foi o nome que queríamos caso tivéssemos um menino. Sentimos que era pra ser, tanto para ela, quanto para nós”, conta Tracy.

A família foi até a Florida para buscar o pequeno Jacob e levá-lo para sua nova casa.

Sophie Umezu, filha mais velha do casal, segurando o pequeno Jacob no colo. Foto: Today

Desde a chegada de Jacob, a família conta que tem vivido momentos de amor puro e inexplicável, que trouxe a cura para as dificuldades e tristezas que foram enfrentadas durante anos pelos Umezu.

“É impossível descrever a sensação. É um presente que, por termos sofrido tanto, se tornou ainda mais gratificante. Saber que a vida pode ser normal e saudável é incrível para nós, ainda mais depois de tudo o que passamos. Olhar para o Jacob e saber que ele tem um cérebro saudável, pulmões que respiram e um coração que bate é um milagre para a nossa família. Estamos vivendo uma alegria sem fim!” 💜

Fonte: Today

Quer conhecer uma família tão incrível quanto os Umezu? Dá o play!

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,763,858SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Lição de humildade: Criolo muda letra de música antiga que tinha verso transfóbico

“Quando você é jovem, pode magoar alguém sem saber. Não porque você é mau, mas porque ninguém falou para você que aquilo poderia ser...

Drag queens leem para crianças em biblioteca de Nova York e ensinam sobre diversidade

Uma vez por mês, drag queens leem histórias infantis para crianças em biblioteca de Nova York.

Hugh Jackman emociona equipe ao cantar nas filmagens de seu novo filme

O ator Hugh Jackman, famoso por interpretar Wolverine e Logan, já passou por cinco tratamentos de câncer de pele e, recentemente, no final do...

Aparelho inventado por mecânico diminui drasticamente os riscos na hora do parto

Mesmo com todos os avanços da medicina ao longo dos anos, o parto ainda é uma condição de risco para todas as mulheres. Principalmente...

Bloco no Rio interrompe a folia para conseguir encontrar mãe de criança perdida

Durante a folia acontecem diversas histórias que aos poucos vão nos mostrando a lindeza que é o Carnaval e todo seu significado diante de...

Instagram