Casal improvisa panela para ir ao próprio casamento após enchente na Índia [VIDEO]

0
732
casal Índia improvisa panela para ir ao próprio casamento vídeo

Se a vida te der um limão, faça uma limonada.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Um casal precisou improvisar para ir à própria cerimônia de casamento nesta segunda-feira (18).

Após uma inundação tomar áreas inteiras de Alappuzha, no estado de Kerala (Índia), eles usaram uma panela gigante (tamanho família mesmo!) para atravessar o curso d’água e chegar no templo hindu.

casal Índia improvisa panela para ir ao próprio casamento vídeo

Noiva e noivo subiram na panela e foram empurrados por famílias através da enchente.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Nós havíamos marcado o casamento para acontecer neste momento auspicioso, sem nem pensar que poderia ter uma enchente”, disse a mãe do noivo, Radikha.

casal Índia improvisa panela para ir ao próprio casamento vídeo

No mesmo dia da festa, uma inundação foi provocada pelo próprio governo local, que decidiu abrir algumas barragens que estavam prestes a transbordar.

As fortes chuvas no estado de Kerala, no sul da Índia, provocaram enchentes e deslizamentos de terra em várias áreas no fim de semana.

casal Índia improvisa panela para ir ao próprio casamento vídeo

As forças do Exército e Marinha indianas precisaram ser acionados para auxiliar no resgate dos moradores das áreas mais afetadas.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quanto ao casamento, foi um sucesso e os pombinhos enfim oficializaram o matrimônio! 😊

Confira o vídeo:

Casal chinês improvisam dança própria para afastar depressão e viraliza na internet

“Quando a vida tentar te derrubar, apenas dance”. E foi assim que o casal Fan Deduo, de 49 anos e Peng Xiaoying, de 45 anos, superaram a depressão e ganharam a internet com a “ghost step dance“ (algo como “dança do passo fantasma”), uma dança própria e muito divertida.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Casal improvisa panela para ir ao próprio casamento após enchente na Índia [VIDEO] 1

Fan e Peng vivem em uma fazenda na província de Zhejiang, na China e há pelo menos 5 anos divertem e envolvem outros moradores da região.

No início da pandemia eles precisaram se isolar e começaram a compartilhar os vídeos da “ghost step dance“ no Douyin, um app similar ao TikTok, muito popular na China. Não demorou muito para que todo mundo se encantasse e os vídeos ganhassem a internet.

Leia a matéria completa clicando aqui.

Junto à Stone, viajamos o Brasil para mostrar negócios que muita gente acha que não daria certo na nossa terrinha – e dão! Veja o 1º EP da websérie E se fosse no Brasil?

Fonte: Band
Fotos: Reprodução / YouTube

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.