Casal recolhe mais de 200 quilos de lixo às margens de rio do Acre

Poderia ser um dia de praia normal para Sharon Haerdrich, 19 anos, e Thiago Kleber, 25 anos, mas o passeio se transformou em uma verdadeira ação de limpeza na praia do Rio Iaco, no Acre.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Sharon e Thiago recolhendo lixo do rio
O casal recolheu 8 sacos com 30 quilos cada. | Reprodução: G1

Sharon e Thiago recolheram cerca de 240 quilos de lixo em uma faixa de 500 metros no ramal Santa Rosa, em Sena Madureira.

Quando eu era criança morava perto do rio e sempre na época do verão tinha o hábito de ir pra lazer e diversão. Na segunda, a gente resolveu ir lá porque pelo dia, pensei que não ia ter muita gente por causa da pandemia e evitar aglomeração”, contou Sharon.

Leia também: ONG transforma lixo plástico de praias do Sul e Sudeste em brinquedos

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Mas além de encontrarem a praia lotada, os jovens ainda se depararam com muito lixo às margens do rio.

Tinha muita garrafa de cerveja, pontas de cigarros, embalagens plásticas, fraldas, garrafas e até roupas. Fiquei muito triste, porque é um local que eu gosto muito e eu já tinha envolvimento com o ativismo ambiental e quando chegamos em casa o Thiago falou, você está tão triste então vamos fazer alguma coisa, colocar a mão na massa mesmo”, completou a adolescente.

montante de lixo espalhado pelo rio
Reprodução: G1

Sharon explicou que a primeira coisa que sentiu foi impotência por ver um local tão comum de sua infância sujo daquele jeito.

O primeiro sentimento que a gente tem é de impotência porque além de ser público, o rio Iaco é vital e tem uma importância, tanto no aspecto econômico quanto social da cidade. Me senti muito impotente quando vi a situação porque estamos degradando uma coisa que é nossa, nosso patrimônio”, lamentou.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Casal realizou a limpeza sozinho

Sharon e Thiago voltaram para casa, compraram alguns sacos de lixo e voltaram na terça-feira pra fazer a limpeza.

O total recolhido foi de oito sacos de 30 quilos cada um. Eles recolheram apenas os lixos maiores que estavam jogados na areia, na mata da região e nas barracas da praia.

A gente ficou de 8h às 11h da manhã e conseguimos remover todo lixo que tinha visível na praia. Só não conseguimos remover 100% porque nossos sacos acabaram”, explicou Sharon.

Leia também: Ecoponto preserva praia trocando lixo reciclável por créditos em mercados e lojas

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Após a limpeza, Sharon fez uma publicação mostrando a sua ação, onde deixou o alerta: “parem de poluir o rio Iaco.”

Ela diz que queria fazer a limpeza mais vezes, mas se sente por as pessoas acabarem sujando todo o local novamente. “A origem disso foi uma situação de desrespeito e inconsciência com o meio ambiente e a nossa cidade”, concluiu.

Depois de muitos compartilhamentos nas redes sociais, Sharon alguns profissionais entraram em contato com ela para ver a possibilidade de iniciar um projeto para cuidar mais do rio.

rio depois da limpeza
Rio depois da limpeza. | Reprodução: G1

Espero que se converta em algo prático e não fique apenas nas redes sociais porque muita gente foi lá, comentou, curtiu, então que na prática tenhamos atitudes positivas e que as pessoas passem a se conscientizar”, pediu.

O lixo recolhido por Sharon e Thiago foi deixado em um ponto específico próximo ao rio, onde passa o carro de coleta. Dessa forma fica mais prático a retirada dos resíduos.

[ASSISTA: Segundo episódio do programa do Razões para Acreditar: Era Só  O que Faltava!] 

FONTE: G1 – Acre

 

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,425,269SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Vizinhos e padaria acolhem moradores de prédio que pegou fogo em Curitiba

“Eles foram descendo, alguns fizeram café. Todos tentavam achar maneira de acalmar essas pessoas."

Professora adota 58 crianças para dar uma família a elas em SP

A professora Marina Amparo é o símbolo de empoderamento e combate ao racismo na comunidade onde vive, em Jardim Sabiá, no extremo sul de...

Segurança atravessa parque segurando cachorro nas costas para salvá-lo de desidratação

Um segurança que trabalha no parque Delaware Water Gap National Recreational Area, nos Estados Unidos, atravessou o parque carregando um imenso cachorro nas costas...

Coronavírus: moradores de rua são abrigados em casas e escolas de Maceió (AL)

A Arquidiocese de Maceió (AL) e a prefeitura da capital alagoana estão trabalhando em conjunto para assegurar vaga a pelo menos 240 moradores em...

Em vídeo super fofo, bebê e husky são flagrados cochilando juntinhos; assista

Aparentemente, se você juntar uma criança fofinha tomando mamadeira e uma imponente, mas amorosa cachorra da raça husky siberiano, você vai criar o vídeo...

Instagram