Caso de “bullying” de gordinho dançarino tem surpresa incrível

Meu Deus, chega a ser cômico! Como podem algumas pessoas se acharem superiores a outras? E por motivos tão sem sentido, como a forma física por exemplo. Claro que o incrível desfecho que apresentaremos a seguir ajuda a rirmos desta situação que não foi nada engraçada no começo, talvez até traumatizante, mas sabe aqueles casos de bullying em que no final das contas a pessoa que era “zuada” dá uma mega volta por cima e acaba se dando muito bem? Tcharaaaam! Conheça o #dancingman.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Tudo começou com esta foto publicada em uma rede social, que diz “Avistei este espécime tentando dançar na outra semana. Ele parou quando nos viu rindo.”:

B_X18QDU8AEvnmX

Algum tempo depois veio a primeira mensagem de apoio “Se você estiver por aí grandão, mande essas crianças se danarem. Continue dançando” e a partir daí uma campanha nasceu de Cassandra Fairbanks para encontrar o querido Dancing Man (dançarino), ela prometeu que pagaria a ele uma passagem para Los Angeles e daria uma festa inesquecível para que ele pudesse dançar à vontade, e um detalhe muito importante: só com mulheres.

A campanha deu certo e o “gordinho gostoso” da vida real (perdoem o trocadilho, mas não resisti) foi encontrado, ele se chama Sean, mora em Londres e aceitou, acredito que com muita alegria, o convite que lhe foi feito. Ao todo são quase 2.000 mulheres que confirmaram presença na festa! Sean até inaugurou um perfil no Twitter, o @dancingmanfound que já conta com mais de 75 mil seguidores, e está maravilhado com todo o apoio que está recebendo. E aí bullies, quem será que está rindo agora?

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

 

 

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM



Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,266,727SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Eles se casaram duas vezes para que a avó pudesse assistir a cerimônia com segurança

Nesta pandemia, vimos muita gente mudando seus planos, dando um jeito diferente para alguns momentos acontecerem. E foi dessa última maneira que Harvey e...

Programadora de 77 anos desenvolve jogos para melhorar a memória

Aos 77 anos de idade, a aposentada Tereza Brocardo se tornou uma desenvolvedora de jogos! Ela assumiu esse desafio visando melhorar sua memória e...

Bioplásticos feitos de cânhamo são alternativa viável aos plásticos à base de petróleo

O plástico de uso único (conhecido como descartável) é umas das fontes mais destrutivas de poluição a nível mundial. Com o acréscimo de aditivos...

Gay adota neta de traficantes, e menina torna-se Mini Miss Brasil

A rotina de preparação para concursos de beleza e ensaios fotográficos passa longe da vida que Ana Clara Ferrares, de 10 anos, levava há...

Atendente passa mais de uma hora lendo manual de equipamento para cliente cego

Em tempos de automatização de tudo o que é serviço, um atendimento realizado em Belo Horizonte (MG) mostra o quanto é importante a interação...

Instagram

Caso de "bullying" de gordinho dançarino tem surpresa incrível 3