Da infância nas ruas a herói local: Chicão constrói casas e doa para famílias em situação de vulnerabilidade em Araxá (MG); assista

“Com 7 para 8 anos eu fui morar na rua, conhecendo o que é frio, o que é fome”, puxa na memória Francisco Assis Santiago. Já são mais de 500 casas reformadas ou construídas tijolo por tijolo que Chicão doa para pessoas em situação de vulnerabilidade e outras centenas de pães e marmitas distribuídas todos os dias para quem mais precisa.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Mágoa, rancor, revolta, esqueça todos esses sentimentos negativos. Apesar de uma infância sofrida, Chicão, personagem do sétimo episódio da série “Pessoas que Transformam” – homenagem da CBMM a pessoas que mudam a vida da comunidade de Araxá (MG) – não se deixa ser dominado por traumas que nenhuma criança deveria passar (vídeo abaixo).

Pelo contrário, somente as boas lembranças de pessoas que lhe estenderam a mão têm espaço no coração de Chicão. Boas lembranças que não ficam guardadas, mas colocadas em prática, transformadas em exemplos a serem seguidos.

Da infância nas ruas a herói local: Chicão constrói casas e doa para famílias em situação de vulnerabilidade em Araxá (MG); assista 1
Série “Pessoas que Transformam” conta histórias reais de pessoas que mudaram a vida da comunidade de Araxá. Foto: Rafael Esterlino

Uma dessas pessoas é uma senhora chamada Catalina Carneiro, que tirou Chicão das ruas quando ele tinha 12 anos de idade. Chicão foi levado para uma roça, onde trabalhou por dois anos. Aos 15, aprendeu o ofício de oleiro. Um ano depois, começou a trabalhar também como pedreiro.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Foi aí que começou a etapa da minha vida de ser um homem, né… De ser uma pessoa digna de ter o seu salário, de trabalhar, né, de aprender. E nós fomos levando a vida”, comentou Chicão.

Tudo estava dando certo na vida de Chicão, porém, com vinte e poucos anos, ele sofreu um Acidente Vascular Cerebral (AVC). Foram sete longos meses de recuperação, uma eternidade para Chicão, afinal, nunca tinha ficado tanto tempo parado.

O sentimento era de que tinha voltado à estaca zero, nas palavras dele: “Eu estava ali passando fome e sem uma roupa para vestir de novo”.

homens constroem casa em canteiro de obra
Por conta própria, Chicão já reformou ou construiu centenas de casas para quem mais precisa. Foto: Rafael Esterlino

O homem humilde, que tem nome de santo e é tratado como um anjo pelos moradores de Araxá, disse à Deus que precisava voltar a trabalhar. Depois desse diálogo, quando caminhava pelas ruas da cidade, certo dia, Chicão se deparou com uma casa em chamas.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Chicão ouviu gritos de socorro e mesmo sem saber como cumpriria a sua promessa – ele mesmo estava passando por um momento delicado na sua vida – disse que ajudaria a proprietária a reconstruir a sua casa, então completamente destruída pelo fogo.

Chamado de louco, Chicão não deu um passo atrás. Buscando uma ajuda aqui e outra ali, Chicão cumpriu a promessa, mas não parou por aí. Desde então, todos os dias, dá uma verdadeira lição de amor ao próximo.

Para se inspirar e se emocionar, aperte o play!

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Ficou um gostinho de quero mais? Assista a todos os episódios da série “Pessoas que Transformam” no site da CBMM.

Da infância nas ruas a herói local: Chicão constrói casas e doa para famílias em situação de vulnerabilidade em Araxá (MG); assista 2

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM




Da infância nas ruas a herói local: Chicão constrói casas e doa para famílias em situação de vulnerabilidade em Araxá (MG); assista 3

Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
4,981,416SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

1ª vacina contra o coronavírus já foi testada em humanos e resultados são promissores

Após meses de pesquisa, uma boa notícia, cientistas dos EUA anunciaram que uma vacina contra a Covid-19 testada em humanos teve resultados bastante promissores! Segundo...

Garoto perde celular e vira mini chef para comprar um aparelho novo

O mini chef Fernandinho começou a vender um pão recheado no trabalho da mãe. Em menos de um mês, ele tinha o dinheiro que precisava para comprar um celular novo.

Vendedor de cocada que teve bike roubada após ser ‘gentil demais’ ganha uma novinha de cliente

Conhecido na cidade de Campo Grande pela simpatia, o vendedor ambulante de cocada, Seu Raul, passou por tempos difíceis, mas foi salvo pela generosidade...

Manicure faz vaquinha para realizar sonho de filho bailarino

Bernardo Régis é um garoto de apenas nove anos que sonha em ser bailarino "quando crescer". Seu grande sonho é se tornar um dançarino...

Após tweet do filho viralizar, mãe cozinheira vende centenas de marmitas em BH

Um tweet postado pelo belo-horizontino Lucas Natan mobilizou centenas de milhares de pessoas em prol do restaurante e lanchonete da mãe, que enfrentava grandes...

Instagram

Da infância nas ruas a herói local: Chicão constrói casas e doa para famílias em situação de vulnerabilidade em Araxá (MG); assista 4