Chilenas criam carregador de telefone que se conecta em plantas

Três amigas tiveram que entregar um trabalho para a faculdade, algo comum na vida de qualquer estudante. Naquele dia, o telefone celular e notebook, ferramentas preciosas do nosso tempo, ficaram sem bateria e elas não tinham como carregar, portanto, não podiam salvar o trabalho para entregar a tempo. A frustração e a raiva em relação a tecnologia foi sua motivação para criar uma solução única no mundo que pode revolucionar o acesso à eletricidade.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Carolina Guerrero, Camila Rupcich e Evelyn Aravena decidiram que precisavam de uma maneira de carregar seus eletrônicos de outra fonte que não seja a rede de energia e, depois de várias investigações, encontraram uma em frente aos seus narizes: as plantas.

Assim, elas projetaram a E-Kaia, um carregador para celulares, tablets e outros dispositivos USB que estão “conectados” com as plantas.

luz_vegetal

Conforme explicado em companhias elétricas A.G.,  este dispositivo portátil tira proveito da fotossíntese e leva a planta aa converter a energia de resíduos em energia elétrica.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

E-Kaia é única no mundo e notavelmente eficiente, porque com apenas uma planta bem conservada é suficiente para carregar um celular, enquanto outros dispositivos exigem, pelo menos, 100 m2 de usinas de energia.

Assim, não só resolve um problema que todos nós tivemos: ficar sem bateria no celular (e sempre em situações de emergência), abre-se uma porta para o uso dos recursos naturais em tecnologia, mantendo a qualidade de energia e preservação do meio ambiente.


Fonte: El Definido

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,493,634SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Jovem que sofre bullying por deformidade no tórax recebe apoio de internautas

“O meu maior medo é perdê-lo”, desabafa Patrícia Souza, mãe de Renan, que nasceu com uma deformidade congênita da parede do tórax chamada pectus...

Delegado compra bola para crianças que tiveram a sua tomada por vizinha

Um grupo de cinco crianças precisou ir à delegacia de polícia de Presidente Dutra (MA) para denunciar a vizinha, que tomou a bola deles...

ONG de educação humanitária tem projeto no Catarse sobre o amor aos animais

O Instituto Nina Rosa produz material educativo sobre educação humanitária, defesa animal, consumo sem crueldade e veganismo desde 2000. O exemplo é a mais poderosa e eficiente...

Lutador do ensino médio com Síndrome de Down termina ano invicto

A última vitória de Cedrick Lehky arrancou aplausos até da torcida adversária.

Menina comemora com entusiasmo e alegria seu primeiro dia de aula

A maioria das crianças demoram a se acostumar com escolinha. Tem criança que chora por dias e deixam suas mães com coração partido a...

Instagram