Chinelos velhos viram brinquedos na África e já tiraram mais de 400 toneladas de lixo do Oceano

Passeando pelas praias da costa leste da África, você pode se deparar com esculturas coloridas de elefantes, javalis, rinocerontes, leões e girafas, algumas em tamanho real, feitas com chinelos de borracha velhos encontrados no mar.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

A transformação desses materiais em peças de arte e moda é ideia da empresa Ocean Sole. Com sede em Nairóbi, capital do Quênia, o negócio reaproveita sandálias velhas e outras peças de borracha encontradas nas praias do país. O resultado do trabalho são criações lúdicas que chegam a ser vendidas para jardins zoológicos, aquários e lojas de nicho de 20 países.

“A poluição em todos os nossos cursos de água é um grande problema”, diz Church, nascida e criada no Quênia. “Os rios estão entupidos com plástico e borracha”, ela acrescenta. “Quando as pessoas dizem que o oceano é uma sopa de plástico, é porque o plástico não vai embora – ele só se decompõe em partes menores”.

Segundo os cientistas, o tempo de decomposição desses resíduos varia de 100 a 600 anos. Em grandes quantidades no fundo dos oceanos, são alguns dos principais vilões da vida marinha, responsáveis pela morte de peixes, crustáceos e outras espécies.

Como tudo começou

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Em 1997, Church trabalhava num projeto de preservação de tartarugas marinhas na ilha de Kiwayu, na fronteira do Quênia com a Somália.

Na época, Church ficou chocada com uma cena desoladora: praias inundadas por objetos de plástico que obstruiam a chegada das tartarugas aos seus locais de desova.

Mas foi lá também que ela viu crianças da região fazendo brinquedos com o lixo retirado do mar. Nesse dia, ela decidiu fundar uma empresa focada na solução de um problema ambiental grave.

Church pensou que poderia ajudar a limpar as praias e, ao mesmo tempo, impulsionar o desenvolvimento econômico e social daquela comunidade, incentivando moradores locais a recolher, lavar e processar materiais recicláveis para terem uma renda.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Confira as fotos:

4

4e20e9de659880a817bf0c82668bde3b1114781000art12b992dbb3776e56f29ee9d22e9e790950ef369844c4db386268076b4c2d1cc1f0ocean-sole-1

Fotos: Reprodução/Ocean Sole

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,263,267SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Policial promove roda de leitura com crianças que todos os dias visitam posto da PM em Paulo Afonso (BA)

É comum ver crianças nos arredores do posto da PM, em Paulo Afonso (BA). E percebendo isso, a Cb PM Figueiredo resolveu criar uma...

‘Semáforo bailarino’ faz pessoas pararem mais nas ruas e aumenta a segurança do pedestre

Cidades são lugares perigosos, especialmente se você não toma o devido cuidado. Então a Smart, empresa por trás do carro smart original, teve uma...

Com humanos em casa, animais selvagens estão ocupando ruas de cidades do mundo todo

As medidas de quarentena e distanciamento social reduziram o trânsito de mais de 3 bilhões de pessoas em cidades de todo o planeta. De forma...

Morador de rua na Tailândia vende limões para poder dar comida para os seus gatinhos

"Loong Dum", um morador de rua de Bangcok, na Tailândia, está emocionando a internet. Ele vende limões para poder dar comida para os seus gatinhos. Mas...

Com ajuda de vaquinha, vendedor de salgados humilhado por cliente abre sua própria lanchonete!

Vocês lembram da história do Rafael? Ele começou a fazer salgados para sustentar a família nesta pandemia, mas logo nos primeiros dias, foi humilhado...

Instagram

Chinelos velhos viram brinquedos na África e já tiraram mais de 400 toneladas de lixo do Oceano 3