Chinelos velhos viram brinquedos na África e já tiraram mais de 400 toneladas de lixo do Oceano

Clique e ouça:

Passeando pelas praias da costa leste da África, você pode se deparar com esculturas coloridas de elefantes, javalis, rinocerontes, leões e girafas, algumas em tamanho real, feitas com chinelos de borracha velhos encontrados no mar.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

A transformação desses materiais em peças de arte e moda é ideia da empresa Ocean Sole. Com sede em Nairóbi, capital do Quênia, o negócio reaproveita sandálias velhas e outras peças de borracha encontradas nas praias do país. O resultado do trabalho são criações lúdicas que chegam a ser vendidas para jardins zoológicos, aquários e lojas de nicho de 20 países.

“A poluição em todos os nossos cursos de água é um grande problema”, diz Church, nascida e criada no Quênia. “Os rios estão entupidos com plástico e borracha”, ela acrescenta. “Quando as pessoas dizem que o oceano é uma sopa de plástico, é porque o plástico não vai embora – ele só se decompõe em partes menores”.

Segundo os cientistas, o tempo de decomposição desses resíduos varia de 100 a 600 anos. Em grandes quantidades no fundo dos oceanos, são alguns dos principais vilões da vida marinha, responsáveis pela morte de peixes, crustáceos e outras espécies.

Como tudo começou

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Em 1997, Church trabalhava num projeto de preservação de tartarugas marinhas na ilha de Kiwayu, na fronteira do Quênia com a Somália.

Na época, Church ficou chocada com uma cena desoladora: praias inundadas por objetos de plástico que obstruiam a chegada das tartarugas aos seus locais de desova.

Mas foi lá também que ela viu crianças da região fazendo brinquedos com o lixo retirado do mar. Nesse dia, ela decidiu fundar uma empresa focada na solução de um problema ambiental grave.

Church pensou que poderia ajudar a limpar as praias e, ao mesmo tempo, impulsionar o desenvolvimento econômico e social daquela comunidade, incentivando moradores locais a recolher, lavar e processar materiais recicláveis para terem uma renda.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Confira as fotos:

4

4e20e9de659880a817bf0c82668bde3b1114781000art12b992dbb3776e56f29ee9d22e9e790950ef369844c4db386268076b4c2d1cc1f0ocean-sole-1

Fotos: Reprodução/Ocean Sole

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,076,276FãsCurtir
2,422,376SeguidoresSeguir
20,572SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Confeiteira é humilhada por cobrar taxa de entrega de R$2 e recebe apoio de internautas

A confeiteira Ângela Oliveira foi humilhada por uma cliente que se recusou a pagar a taxa de entrega do seu bolo de pote. Na troca...

Sogro anda de mãos dadas com genro para ajudá-lo a superar medo de sair na rua com o namorado

Fran guarda algumas memórias ruins de um passado recente, quando ele sofreu preconceito por ser homossexual. O jovem foi agredido fisicamente, além de ter passado...

Policial compra bolo de aniversário para jovem que chorava por terem esquecido a data

O que você faria se todo mundo que você conhecesse esquecesse de seu aniversário? Esta situação, hipotética para muitos, aconteceu com um garoto tailandês....

Após 8 anos presos em gaiolas, leões de circo são resgatados e pisam na grama pela primeira vez

Não é de hoje que percebemos uma mudança radical nos cuidados aos animais de circo. O público tem cobrado mais responsabilidade com espaço, alimentação...

Depois da formatura, ela foi até o trabalho de seu pai, que é pedreiro, para agradecê-lo

Se tem uma coisa que a paraguaia Yudit Romero reconhece é o sacrifício que o pai fez para lhe dar a melhor educação possível. Don...

Instagram

Chinelos velhos viram brinquedos na África e já tiraram mais de 400 toneladas de lixo do Oceano 14