Em Minas, ciclista encontra conta e dinheiro em estrada, paga e entrega o troco

O mundo está cheio de pessoas honestas e nós gostamos de contar histórias de honestidade para lembrar que esses gestos são mais comuns que imaginamos. Há alguns dias, Moisés Branco, que é ciclista, estava subindo a Serra de Ipuiúna com sua bicicleta, quando começou a encontrar várias notas de dinheiro pela estrada e um pouco mais em frente, encontrou uma conta de uma operadora de televisão que precisava ser paga.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O dinheiro estava contado. Na estrada havia 137 reais para pagar uma conta no valor de 136,70, que venceria naquele mesmo dia. Na conta havia o nome e o endereço da pessoa que perdeu e o dinheiro na estrada, mas Moisés achou que perderia muito tempo até encontrar e contatar o dono. Então, o que ele fez? Foi até uma casa lotérica e pagou a conta!

Chegando em casa fez uma postagem contando o ocorrido e avisando que o comprovante e o troco de 30 centavos estavam com ele. A postagem foi com o objetivo de informar a pessoa que sua conta já estava paga, e acabou sendo compartilhada diversas vezes, o que fez com que rapidamente chegasse aos ouvidos do portador da conta, que era o operador de máquinas, Célio Coutinho. Célio, depois conseguiu o telefone de Moisés e ligou para agradecer.

Ele contou ao ciclista que a sua mulher estava indo pagar o boleto a pé com os filhos e só percebeu que havia deixado cair a conta e o dinheiro quando chegou na lotérica para pagar. Agora que todos já “se conhecem”, marcaram de se encontrar na próxima vez que o ciclista passar pelo município de Ipuíuna, onde Célio mora.

Leia também: 

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Veja abaixo a postagem original de Moisés:

Com informações de Terra do Mandu

Foto: Fábio Amaral

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM



Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
2,835,148SeguidoresSeguir
24,755SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Baianas de acarajé estão sem renda por conta da crise e internautas criam vaquinha

Mais de 3 mil baianas perderam totalmente sua renda por conta do isolamento social pelo coronavírus.

Ele criou um projeto que prepara jovens da periferia para o mercado de trabalho

Num pequeno quarto de sua casa, com móveis e materiais encontrados no lixo, o jovem Miguel da Hora já impactou com o seu projeto autônomo mais de 7 mil pessoas, através de produções e desenvolvimento de tecnologias abertas com os jovens da periferia.

Neta realiza sonho da avó que luta contra o câncer de mama

A emoção dela ao ver a neta com o vestido de noiva é de arrepiar!

Universidade Federal de Roraima (UFRR) tem o primeiro reitor indígena do Brasil

O novo reitor será importante para ampliar o acesso dos povos indígenas no ensino superior do país, na graduação e pós-graduação. “Queremos, com muito diálogo e com uma gestão compartilhada, trabalhar para ampliar o ensino superior para os povos indígenas”, afirma o reitor.

Esse texto vai fazer você enxergar o Brasil com outros olhos

Eu tenho escutado muito por aí: “o Brasil não tem jeito mesmo. ” Como assim não tem jeito? Tem gente que ainda não percebeu...

Instagram

Em Minas, ciclista encontra conta e dinheiro em estrada, paga e entrega o troco 3