Universidade do Rio de Janeiro revalida diploma de engenheiro refugiado sírio


PUBLICIDADE ANUNCIE

O mundo vive uma séria crise migratória e humanitária, por isso é tão importante falarmos sobre direitos humanos e sobre a questão dos refugiados. No último domingo, 10 de dezembro, comemoramos o Dia Internacional dos Direitos Humanos e o sírio Anas Abdulrjab teve mais um motivo para comemorar. Anas tem 32 anos e em 2004 mudou-se para a Líbia, onde ele se formou em Engenharia de Telecomunicações pela Universidade de Tripoli.

São diversos os motivos que fazem as pessoas se refugiarem em outros países, mas o que tem sido o causador número um de uma das maiores ondas migratórias da história da humanidade, são as guerras no oriente médio. Foi por isso que Anas acabou vindo para o Brasil, em 2015.

PUBLICIDADE ANUNCIE

Logo que ele chegou, no Rio de Janeiro, começou trabalhando em um café e depois passou a cozinhar especialidades sírias. Logo em seguida ele tentou fazer a revalidação de seu diploma, mas a coordenação do curso de graduação em Engenharia de Telecomunicações. Ele então optou por cursar três disciplinas presenciais na UFF – Universidade Federal Fluminense, mesmo porque seria uma maneira dele ficar fluente no português.

Ele não somente foi aprovado com sucesso nas três disciplinas, como interagiu muito bem com seus colegas de classe e agora ele comemora a revalidação de seu diploma, que permitirá que ele trabalhe como engenheiro no Brasil. Ele, que não pensa mais em ir embora, afirma que o Brasil foi o único país que o acolheu e que não tem nem palavras para descrever a imensa gratidão que sente pelo nosso país!

Parabéns, Anas! Você merece!

Com informações de UFF

PUBLICIDADE ANUNCIE


PUBLICIDADE ANUNCIE

Comentários no Facebook

Acessar

Resetar senha

Voltar para
Acessar