[UPDATE VÍDEO] Campanha anti-racismo mostra ofensas próximo de casa dos autores


[UPDATE VÍDEO] Campanha anti-racismo mostra ofensas próximo de casa dos autores 1
PUBLICIDADE ANUNCIE

A ONG Criola, do Rio de Janeiro (RJ), não vai deixar barato o racismo praticado na internet. A campanha “Racismo virtual. As consequência sociais” selecionou 50 comentários racistas postados nas redes sociais e produziu placas e outdoors com as frases.

A ONG usou ferramentas de rastreamento e conseguiu localizar a cidade de origem dos comentários e o endereço de onde as mensagens foram escritas. A partir dessas informações, os organizadores procuram espaços publicitários próximos ao local onde vivem os seus autores.

Em Porto Alegre, foram colocadas placas na Praça Comendador Souza Gomes, no bairro Tristeza, e nas avenidas Brasil, Belém, Aureliano de Figueiredo Pinto e Carlos Barbosa. “Nossa expectativa não é ver o racista na cadeia, mas que o racismo não aconteça”, explica a médica carioca Jurema Werneck, 53 anos, integrante da ONG Criola ao G1.

O objetivo da campanha é mostrar que o insulto virtual pode voltar para pessoa que o pratica. Além da capital gaúcha, cidades como Rio de Janeiro, Americana (SP), Vila Velha (ES) e Feira de Santana (BA) já têm peças exibidas em outdoors. Guarulhos, em São Paulo, deve ser o próximo município contemplado pela campanha. “Temos frases para colocar em todo o país, infelizmente”, diz entristecida Jurema.

[UPDATE]

Saiu o vídeo contando um pouco do que aconteceu depois que os outdoors foram exibidos:

PUBLICIDADE ANUNCIE

[UPDATE VÍDEO] Campanha anti-racismo mostra ofensas próximo de casa dos autores 2 ong_criola_campanha

Criola :: Espelhos do racismo from BossaNovaFilms on Vimeo.

Fotos: Reprodução/Criola

PUBLICIDADE ANUNCIE


PUBLICIDADE ANUNCIE

Comentários no Facebook

Acessar

Resetar senha

Voltar para
Acessar