Cinema só para crianças autistas emociona pais no Rio

As crianças que têm autismo parecem não tomar consciência da presença de outra pessoa e, por isso, apresentam muita dificuldade de comunicação e repetição de comportamentos.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Por falta de informação, grande parte da população não consegue compreendê-las, principalmente em locais com regras claras de comportamento, como em um cinema, onde se deve ficar sentado na poltrona de boca fechada enquanto o filme passa na telona.

Uma pena que esse tipo de coisa aconteça, pois as opções de lazer e entretenimento dessas crianças são forçadamente limitadas. Mas, um projeto lançado recentemente em um cinema do shopping da Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro, mostra que isso pode mudar.

A primeira exibição gratuita de um filme para quase 30 crianças autistas levou os pais dessas crianças às lágrimas:

“Achei que meu filho não fosse ficar. Antes de começar a sessão, falei o que aconteceria e chegamos cedo. Entramos com o cinema ainda vazio, para ele se ambientar. Em casa, ele só presta atenção nos desenhos animados durante uns 15 minutos. O filme já está passando há uma hora e continuamos aqui”, comemorou Adriana Costa, mãe de João Pedro, 3 anos.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Os pequenos assistiram ao filme “Carros”, que conta a história da amizade entre um automóvel de corrida e um guincho. A psicóloga Carolina Salviano de Figueiredo, organizadora do evento, ainda não sabe quando será a próxima sessão, mas tem uma certeza: o projeto vai continuar.

“O objetivo é a inclusão em todos os ambientes. Há duas semanas, levamos um grupo de crianças autistas para uma fazenda em Vargem Grande. Aos poucos, elas vão desenvolvendo suas habilidades, abrindo portas. Já estamos conversando com a empresa do cinema para repetir a experiência, inclusive em outras salas da cidade”, disse Carolina.

Segundo a ONU, existem mais de 70 milhões de pessoas com autismo no mundo todo: 2 milhões delas só no Brasil. O desconhecimento do transtorno por parte de muitos médicos, pais e professores dificulta o diagnóstico.

Fonte: O GLOBO

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM



Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,021,979FãsCurtir
2,164,362SeguidoresSeguir
11,574SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Batismo de bebê conta com bençãos de familiares católicos, espíritas, evangélicos e umbandistas

Quando completou três meses de vida, o pequeno Iago recebeu as bençãos de sua família, cada qual à sua maneira: uma avó é católica,...

Jovens e agricultores se unem e abrem bibliotecas na zona rural da Paraíba

Eu já estou apaixonado por essa história antes mesmo de começar a contar pra vocês. Esse é um exemplo de que a união entre...

Com 4 filhos pequenos, dona de casa abandonada por marido recebe apoio de internautas

A jovem mamãe Andreza Santos Araújo, 23 anos, mora e cria sozinha seus quatro filhos pequenos em Várzea Grande, Mato Grosso. Desde que o...

Universitário de 92 anos se adapta à tecnologia e nos dá uma linda lição de resiliência e otimismo

Não existe idade certa para realizarmos nossos sonhos e o universitário Carlos Augusto Manço, que entrou na faculdade aos 90 anos, é um dos...

Supermercado mobiliza internautas e encontra cliente que perdeu R$ 840 dentro da loja

O seu João foi fazer compras no supermercado Rei da Economia, em Solânea (PB), e acabou deixando cair uma bolada de R$ 840 no...

Instagram