Clínico que zombou de paciente pede desculpa e se oferece para ser médico da família

Todos podemos errar, e reconhecer o erro é uma atitude nobre, e que deve ser recebida com compreensão e de coração aberto.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O médico Guilherme Capel Pasqua, que debochou da forma de falar de um paciente e foi demitido do hospital onde trabalhava, no interior de São Paulo, se retratou pessoalmente. Ele publicou uma foto em seu Facebook abraçado ao mecânico José Mauro de Oliveira Lima, de 42 anos, e segurando um papel com a palavra ‘desculpem’.

“Eu errei, me arrependi e me sinto mal com isto. Este pedido de desculpas vai a todos os brasileiros que se ofenderam com a brincadeira da ‘peleumonia’. Sr. José Mauro hoje tornou-se meu amigo”, escreveu Guilherme em seu perfil pessoal.

O médico atendeu o mecânico na última quarta-feira no Hospital Santa Rosa de Lima, em Serra Negra. Logos após, escreveu em um receituário a frase “Não existe peleumonia e nem raôxis”, fez a foto e colocou no Facebook. A repercussão do deboche foi tamanha, que o profissional acabou sendo demitido. O reencontro do clínico geral e paciente aconteceu na tarde deste domingo, na casa do mecânico. Após uma conversa, eles resolveram a questão. Além do pedido de desculpas, Guilherme se ofereceu para ser médico da família.

medico3

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Fui até a casa do mecânico que virou símbolo nacional. Diante da exposição ao hospital Santa Rosa de Lima de Serra Negra gostaria também de me retratar. Como prova disso, fico à disposição da ONG que ajuda este hospital para realizar plantões voluntariados nos quais todo o dinheiro arrecadado será destinado a ONG que ajuda este hospital. Este sou eu: Guilherme Capel Pasqua”, finalizou o texto em seu Facebook.

Nós aqui do Razões acreditamos que tudo tem os dois lados, e que alguém pode sim se arrepender de algo que errado que fez, afinal somos todos humanos e propensos a cometer falhar, mas é importante mostrarmos a solução dessa história e que a família, ao final de tudo, terá uma assistência médica.

Um depoimento de uma médica em Minas Gerais havia viralizado muito na web, pois, ao contrário do Guilherme, ela mostrou acolhida e sensibilidade pela história, vejam:

Com informações do Extra.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
4,261,441SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Formatura de comunidades ribeirinhas é tudo que você precisa ver hoje!

Por mais que tenha sido um ano atípico para os estudantes devido à pandemia, alguns rituais não podem ser esquecidos. E um bom exemplo...

A todos aqueles que julgam minha filha de 5 anos por andar no carrinho de bebê

Esta carta aberta é para todos vocês que tem olhado e julgado minha filha nos últimos dias.

Lição de amor: Pastor vai com filho trans a cartório realizar alteração de nome

"Sentimento de realização como pai. Ele poderia ter feito tudo sozinho e eu teria perdido uma oportunidade de me fazer presente na vida dele"....

As mulheres que deram cor aos números da NASA

A palavra do momento é Representatividade, que significa representar os interesses de determinado grupo, classe social ou de um povo. E, como você deve...

Cinco anos após ser declarada extinta, espécie rara de leopardo é vista em Taiwan

Em 2013, a União Internacional para a Conservação da Natureza (IUCN, na sigla em inglês) declarou os leopardos nebulosos de formosa, imponentes felinos endêmicos...

Instagram