Coala sem patinha anda novamente graças à prótese sob medida feita por um dentista

Foi em 2017 que a enfermeira Marley Christian encontrou o coala Triumph ao lado da mãe, morta, em Nova Gales do Sul, Austrália. O coitadinho tinha acabado de ficar órfão e estava morrendo de medo; foi quando ela se deu conta de que ele também havia perdido uma de suas patinhas. Marley o resgatou e, graças ao dentista Jon Doulman, que construiu uma prótese sob medida, Triumph hoje vive como qualquer animal de sua espécie.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

protese patinha coala 1
Foto: Brad Mustow

Com apenas três patas, o coala tinha muita dificuldade de locomoção. Foi então que a enfermeira passou a ir atrás de soluções e descobriu uma empresa especializada em próteses animais. O caminho não foi fácil e a empresa não conseguiu solucionar o caso de Triumph. Depois de mais de um ano de diversas tentativas, ela conheceu Doulman, especialista em próteses dentárias.

protese patinha coala 2
Foto: Brad Mustow

O dentista disse que poderia ajudá-la com a prótese e foi o grande responsável pela nova vida que o coalinha ganhou. “Eu tiro impressões de bocas, e todas as arcadas dentárias são diferentes. Então, me ocorreu que poderia fabricar algo sob medida para ele”, contou.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

protese patinha coala 3
Foto: Brad Mustow

Hoje, felizmente, ele pode subir nas árvores, correr e pular normalmente. “Depois de calçar a pata, ele deu um pequeno salto, depois começou a correr e a subir. Na verdade, eu chorei. É a melhor coisa que já aconteceu, eu faria absolutamente qualquer coisa por este pequeno”, comemora o dentista.

protese patinha coala 4
Foto: Brad Mustow

A prótese é cor de rosa e possui uma tira de velcro e uma sola especial para facilitar a aderência durante a caminhada e escalada. Atualmente, Triumph tem 5 anos e é um dos maiores exemplos de quando a sorte encontra a boa vontade 🥰

Devido ao aquecimento global, a região de Nova Gales do Sul vem sofrendo uma série de incêndios florestais nos últimos anos. Segundo especialistas, cerca de 30% da população de coalas foi dizimada pelo fogo. Muitos deles, ficam sem famílias e não possuem autonomia suficiente para viverem sozinhos na natureza, como era o caso de Triumph, que felizmente foi encontrado e salvo graças à empatia.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Fonte: R7

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,763,858SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Menino de 9 anos vende limonadas para pagar sua própria adoção

Você lembra o que estava fazendo aos nove anos? Qual era seu maior sonho? Para o jovem Tristan Jacobson é conseguir o valor necessário para que a família...

Instituto premia 10 mulheres empreendedoras que estão fazendo a diferença no Brasil

Iniciativa da marca Consul reconhece os dez melhores projetos de mulheres de baixa renda e garante assessoria e incentivo financeiro para ampliação de seus negócios

Mãe doa 450 litros de leite materno para ajudar outras mulheres

A americana Tabitha Frost produz mais leite do que sua filha necessita.

Médico conforta bebê de mãe solo enquanto ela estava na emergência

O médico confortou o bebê, que chorava enquanto a mãe fazia exames, durante uma hora e meia.

Paciente internado em UTI cria lindas obras de arte enquanto aguarda para fazer hemodiálise

A arte cura e a gente pode provar! 🙌🏽 Seu Gilcélio Marinho é um artista plástico da cidade de Monteiro, no sul da Paraíba. Ele...

Instagram