Coca-Cola, PepsiCo e Ambev vão deixar de vender refrigerante nas escolas em agosto

Acabamos de ver esta notícia na UOL, e vamos reproduzi-la, pois é algo bastante importante:

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

As gigantes de bebidas, A Coca-Cola, a PepsiCo e a Ambev (fabricante do Guaraná Antártica, Soda e Sukita) anunciaram nesta quarta-feira (22) que vão deixar de vender refrigerantes para escolas com alunos de até 12 anos de idade.

Segundo as três empresas, os refrigerantes devem parar de ser vendidos nas escolas a partir de agosto.

Em substituição à bebida, serão vendidos nas cantinas das escolas apenas água mineral, suco com 100% de fruta, água de coco e bebidas lácteas que atendam a critérios nutricionais específicos.

Segundo as companhias, o objetivo de combater a obesidade infantil, admitindo a ciência de que no momento do recreio, os alunos vão à cantina da escola sem orientação ou a companhia de responsáveis e podem acabar consumindo açúcares em excesso.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

A política valerá para as cantinas que compram diretamente das fabricantes e de seus distribuidores. As empresas também pretendem fazer ações de sensibilização para que supermercados, atacados e outros estabelecimentos não vendam suas marcas de refrigerante para as escolas.

A escolha foi baseada em conversas com especialistas em saúde pública, alimentação e nutrição, além de profissionais e instituições ligadas aos direitos das crianças.

Leia a íntegra do comunicado das empresas:

“A obesidade é um problema complexo, causado por muitos fatores, e as empresas de bebidas reconhecem seu papel de ser parte da solução. A partir de agosto, a Coca-Cola Brasil, a Ambev e a PepsiCo Brasil vão ajustar o portfólio de bebidas vendidas diretamente às cantinas de escolas no país. A principal mudança é que as empresas venderão às escolas para crianças de até 12 anos (ou com maioria de crianças de até essa idade) apenas água mineral, suco com 100% de fruta, água de coco e bebidas lácteas que atendam a critérios nutricionais específicos. O novo portfólio tem como referência diretrizes de associações internacionais de bebidas. Novos produtos lançados pelas empresas poderão ser incluídos, no futuro, seguindo essas referências.

No momento do recreio, os alunos têm acesso às cantinas escolares sem a orientação e a companhia de pais e responsáveis, e crianças abaixo de 12 anos ainda não têm maturidade suficiente para tomar decisões de consumo. Coca-Cola Brasil, Ambev e PepsiCo Brasil entendem que devem auxiliar os pais ou responsáveis a moldar um ambiente em escolas que facilite escolhas mais adequadas para crianças em idade escolar, assim como estimular a hidratação e a nutrição, contribuindo para uma alimentação mais equilibrada.

A escolha do portfólio no Brasil também foi baseada em conversas com especialistas em saúde pública, alimentação e nutrição, além de profissionais e instituições ligadas aos direitos das crianças. A política valerá para as cantinas que compram diretamente das fabricantes e de seus distribuidores. Em relação às demais, aquelas que se abastecem em outros pontos de venda (supermercados, redes de atacados e adegas, por exemplo), haverá uma ação de sensibilização desses comerciantes por meio da qual todos serão convidados a se unir à iniciativa.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

As três companhias também estão trabalhando com a ABIR (Associação Brasileira da Indústria de Refrigerantes e Bebidas Não Alcoólicas) para que essas diretrizes de venda de bebidas a escolas sejam um compromisso de todo o setor.”

Com informações UOL.

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM




Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,860,568SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Ela encontrou US$ 42 mil em casaco, avisou seu supervisor e foi presenteada por tanta honestidade

Seu nome é Andrea Lessing e, partir de agora, ela é conhecida por sua incrível honestidade e empatia. A recém-funcionária da Goodwill de Oklahoma,...

Como uma campanha publicitária reduziu 85% da taxa de suicídios na Coréia do Sul

A Coreia do Sul carrega um título infeliz, é o país com a maior taxa de suicídio da OCDE. O local escolhido pelos suicidas na maioria...

Mamãe ursa leva filhotes recém-nascidos para conhecer seu ‘amigo humano’

Quatro anos atrás, o norte-americano Patrick Conley de Asheville, na Carolina do Norte, teve uma experiência única ao fazer amizade com uma ursa. A amizade perdurou...

Indiano transforma EPIs de hospitais em tijolos ecológicos

O descarte de máscaras de TNT se transformou em uma preocupação para o meio ambiente. De acordo com dados da Associação de Empresas de...

Multinacionais lançam projeto de embalagens duráveis e ainda entrega em casa para combater lixo plástico

Talvez você, mulher ou homem adulto, se lembre quando era criança ou adolescente de uma época em que nossos avós e bisavós recebiam o...

Instagram