Cocriador da Netflix cria fundo para educação de crianças e adolescentes

Cocriador e CEO do serviço de streaming Netflix, Reed Hasting anunciou na terca-feira (12), em sua página no Facebook, que está criando um fundo destinado à educação com uma reserva inicial de US$ 100 milhões, cerca de R$ 402,7 milhões. O objetivo do Hastings Fund é viabilizar melhores condições de estudo para crianças e adolescentes dos EUA.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O executivo também anunciou os nomes das duas primeiras instituições que serão beneficiadas pelo fundo, com um valor de US$ 1,5 milhão: United Negro College Fund e Hispanic Foundation of Silicon Valley, que se dedicam à educação de jovens negros e latinos, respectivamente.

Lembramos também que Hastings já foi presidente do Conselho Estadual da Califórnia durante quatro anos e trabalhou na organização Corpo da Paz nos anos 80. Em 2012, ele a esposa prometeram dedicar parte dos seus recursos para a filantropia.

O CEO Neerav Kingsland fará a gestão do Hastings Fund, paralelo ao seu trabalho como Orientador Educacional Sênior na Laura and John Arnold Foundation. Kingsland escreveu no seu blog que está “muito agradecido por trabalhar com filantropos que dedicam tanto de seus pensamentos à educação”. “Há muitos estudantes neste país que não possuem acesso a escolas excelentes. Felizmente, isso pode ser mudado”, completa.

Oportunidade

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Já pensou em trabalhar na Netflix? A empresa está com vaga aberta para o posto de Social Media. Informações aqui.

via [OFICINA DA NET]

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM



Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
2,855,310SeguidoresSeguir
25,013SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Cientistas chineses criam painel solar que gera energia a partir da chuva

A energia solar já é uma realidade e uma das maneiras mais eficazes de se produzir energia limpa e renovável. Porém, sabemos que o...

Família compra material escolar para irmãos que catavam papelão

Os garotos catavam papelão para comprar o material escolar deste ano.

Mauricio de Sousa aparece de surpresa em aula de escola pública por menino autista

Mauricio de Sousa apareceu de surpresa em uma aula online para crianças de uma escola pública de São Paulo. A criançada amou, especialmente o...

Ele nasceu sem uma perna, mas isso não o impediu de tornar-se jogador de futebol

Conheçam o Nico Calabria, ele nasceu com apenas uma perna, mas nunca se deixou abater pelo fato de sua deficiência, pelo contrário, buscou fazer...

Instagram

Cocriador da Netflix cria fundo para educação de crianças e adolescentes 3