Baiana filha de diarista passa em seletiva do Bolshoi e família tenta juntar dinheiro para viagem


Baiana filha diarista passa seletiva Bolshoi família tenta juntar dinheiro para viagem
PUBLICIDADE ANUNCIE

Aspirante à bailarina, a pequena Lígia Pires, 9 anos, passou em uma seletiva regional da prestigiada Escola do Teatro Bolshoi e agora seus familiares tentam levantar fundos para conseguir viajar para a etapa nacional da seleção, que ocorrerá em Santa Catarina em outubro.

Lígia mora no bairro Engenho Velho da Federação, em Salvador (BA). Seu sonho é se tornar uma grande bailarina, e para isso, sua família criou uma vaquinha virtual para financiar o objetivo da menina.

Quando pequena, Liginha, como é conhecida, foi incentivada pela mãe a dançar. A diarista Daniela Pires logo enxergou que a filha tinha bastante talento no balé. Ela guarda com carinho a primeira medalha conquistada pela pequena, em um festival de dança ocorrido no início do ano.

Baiana filha diarista passa seletiva Bolshoi família tenta juntar dinheiro para viagem

“Quando eu conquistei a vaga, eu fiquei azoada, vi minha mãe chorando, meus professores chorando, eu fiquei: ‘O que eu fiz?, o que aconteceu comigo?’, porque foi uma emoção para mim. Ter passado em uma escola muito conhecida e muito boa, eu fiquei emocionada”, disse a garota.

Leia também: Bailarina vende brigadeiros no trem para custear viagem internacional

Compradas no cartão de crédito cedido pela empregadora de Daniela, as passagens totalizaram R$ 1.335. A seletiva nacional do Teatro Bolshoi ocorrerá em Joinville (SC) entre os dias 18 e 20 de outubro.

A família precisa de dinheiro não só para pagar as parcelas do cartão, mas para gastos com hospedagem e alimentação. Para bancar essas despesas, amigos criaram uma vaquinha com o objetivo de arrecadar R$ 3 mil. A campanha de financiamento coletivo tem sido um sucesso absoluto até aqui: foram arrecadados R$ 12 mil até o momento.

Leia também: Crianças de comunidade carente de Curitiba são surpreendidas com lanche e agasalho na volta às aulas

“É uma viagem que não dá para a gente bancar, infelizmente. Eu sou diarista, o que eu recebo é equivalente a um salário mínimo para sobreviver. Moro de aluguel, e infelizmente não dá para custear as passagens, viagens e enfim”, disse a mãe de Lígia.

PUBLICIDADE ANUNCIE

Você conhece o VOAA? VOAA significa vaquinha online com amor e afeto. E é do Razões! Se existe uma história triste, lutamos para transformar em final feliz. Acesse e nos ajude a mudar histórias.

Fonte: Voz da Bahia/Fotos: Reprodução/TV Família Bahia

PUBLICIDADE ANUNCIE


PUBLICIDADE ANUNCIE

Comentários no Facebook

Acessar

Resetar senha

Voltar para
Acessar