Ele carregou amigo cadeirante por 6 horas para conhecer Machu Picchu


Turista argentino ajuda amigo com deficiência Machu Picchu
PUBLICIDADE ANUNCIE

O sonho de conhecer a cidade perdida dos Incas, Machu Picchu, reuniu Emiliano Bisson e Philip Stephens, dois viajantes entusiastas que percorreram milhares de quilômetros para conhecer e desbravar a mítica região, erguida a uma altitude de 2430 metros.

Emiliano conta que antes de chegarem ao Peru, eles passaram por seis países, em sete semanas de viagem: Estados Unidos, México, Cuba, Panamá, Costa Rica e Argentina. Ainda tiveram um tempinho para conhecerem o Havaí. Ao todo, doze voos e o desafio final de chegarem à Machu Picchu.

Para que isso fosse possível, Emiliano levou o amigo nos braços do acampamento onde estavam assentados até o alto das montanhas que cercam e protegem a cidade antiga, já que Philip perdeu a capacidade de se locomover sozinho devido a uma doença e faz uso de uma cadeira de rodas.

Turista argentino ajuda amigo com deficiência Machu Picchu

A viagem mudou completamente a vida de Emiliano. Residente de Buenos Aires, o argentino conta ter ‘fracassado em várias carreiras universitárias’. Há dois anos ele decidiu largar tudo e viajar.

Leia também: Marido cria cadeira especial para esposa continuar desbravando montanhas

“Não estava bem. Queria sair por aí, me perder no mundo e me encontrar novamente. Apresentei à minha melhor amiga, Juanma, a ideia de iniciar uma viagem sem data de retorno”, disse. A amiga de infância aprovou a ideia e ele, encorajado, partiu para o México. Tinha 200 dólares (R$ 836) no bolso, dinheiro que acabou em meras três semanas.

PUBLICIDADE ANUNCIE

Turista argentino ajuda amigo com deficiência Machu Picchu

Rumo à Machu Picchu

Procurando um trabalho para se sustentar no litoral mexicano, Emiliano conheceu Philip, um australiano que precisava de um cuidador para o seu dia a dia. Ele topou.

Com o passar dos meses, essa relação cedeu lugar para uma forte amizade! Além disso, ambos alimentavam o sonho de fazer um mochilão pela América Latina.

Leia também: Aposentada decide realizar sonho de conhecer Machu Picchu e faz primeiro mochilão aos 64 anos

“Um dia perguntei a Phil: ‘Qual é o seu sonho?’ Eu costumo fazer essa pergunta para as pessoas. E ele me disse que [queria] ir à Machu Picchu, no Peru. Não pude deixar de sorrir para ele. Então, eu disse: ‘E por que você nunca foi?’ Ele respondeu que estava longe, e eu não saberia como fazer o passeio. ‘Eu vou levar você lá’, propus sem pensar duas vezes.”

Algumas semanas depois, eles partiram em viagem!

Compartilhe o post com seus amigos!

  • Siga o Razões no Instagram aqui.
  • Inscreva-se em nosso canal no Youtube aqui.
  • Curta o Razões no Facebook aqui.
  • Envie sua história aqui.

Fonte: Turiweb/Fotos: Reprodução/Turiweb

PUBLICIDADE ANUNCIE


PUBLICIDADE ANUNCIE

Comentários no Facebook

Acessar

Resetar senha

Voltar para
Acessar