fbpx

Veterinária catarinense chega a Brumadinho com 300 kg de remédios doados


Veterinária catarinense chega a Brumadinho com 300 kg de remédios doados
PUBLICIDADE ANUNCIE

Kátia Chubaci é médica veterinária e levantou uma grande doação de remédios em Santa Catarina para tratar os animais atingidos pelo rompimento da barragem de Brumadinho ocorrido na semana passada.

A veterinária chegou na última terça, 29, à cidade mineira vítima do desastre ambiental, levando cerca de 300 kg de medicamentos prontos para uso, que atenderão centenas de animais domésticos e silvestres resgatados.

Todas as doações foram feitas por distribuidoras de remédios animais e por veterinários catarinenses. Além disso, a companhia aérea não cobrou Kátia pelo despacho dos medicamentos.

Leia tambémVeterinário se tranca em canil e come com Pitbull para que ela volte a confiar em humanos

Sem dúvidas, uma atitude muito nobre e que nos ajuda a renovar nossas próprias esperanças.

Confira algumas fotos que a veterinária postou no Facebook:

Até este sábado (02), o desastre matou 121 pessoas e ainda há 226 desaparecidos. Segundo um estudo da BBC, o deslizamento de lama e dejetos de mineração é um dos dez piores já registrados em toda a história (em quantidade de vítimas).

Veterinária catarinense chega a Brumadinho com 300 kg de remédios doados
Veterinária chegou com 300 kg de remédios doados. Foto: Reprodução / Facebook

Nove dias após o rompimento da barragem da Vale, na cidade de Brumadinho, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, a Defesa Civil, por meio do tenente Pedro Aihara, afirmou que não haverá diminuição do efetivo, até que “último corpo seja encontrado ou já não tenha mais como encontrar corpos por decomposição do material orgânico”.

PUBLICIDADE ANUNCIE

Leia tambémVeterinária de Mogi das Cruzes cuida de animais silvestres encontrados feridos em estradas

“A partir disso, nós começamos a fazer escavações no local. Nós utilizamos a técnica que se chama cone de odor. Nós fazemos perfurações de modo que o cheiro chegue à superfície e os cães farejadores conseguem identificar se existem corpos no local”, explicou Aihara.

Mais informações à respeito de Brumadinho:

Compartilhe o post com seus amigos!

  • Siga o Razões no Instagram aqui.
  • Inscreva-se em nosso canal no Youtube aqui.
  • Curta o Razões no Facebook aqui.

Fonte: Revista Pazes

PUBLICIDADE ANUNCIE

PUBLICIDADE ANUNCIE

Comentários no Facebook

Acessar

Resetar senha

Voltar para
Acessar