Mais de 7 mil voluntários irão ajudar vítimas da tragédia em Brumadinho

Médicos, enfermeiros, psicólogos, veterinários e assistentes sociais se cadastraram na plataforma nacional de voluntariado Transforma Brasil.


mais 7 mil voluntários ajuda vítimas brumadinho
PUBLICIDADE ANUNCIE

Postos de saúde da Região Metropolitana de Belo Horizonte começaram a receber profissionais que se dispuseram a atuar como voluntários no atendimento às vítimas da tragédia em Brumadinho.

Desde a última sexta-feira (25), 742 médicos, enfermeiros, psicólogos, veterinários e assistentes sociais se cadastraram na plataforma nacional de voluntariado Transforma Brasil. A convocação foi feita em parceria com a ONG E-Missão, que já atuou no suporte aos órgãos de defesa civil na tragédia ambiental em Mariana (MG).

Aliás, criamos uma lista reunindo formas de ajudar Brumadinho, clique aqui.

O Conselho Regional de Enfermagem de Minas Gerais (COREN-MG), que tem 189.538 profissionais inscritos, ofereceu apoio à plataforma para contactar os enfermeiros do Estado. A convocação foi publicada no site da instituição. Quinhentas novas vagas para profissionais de saúde foram abertas neste fim de semana. Para se cadastrar na atual convocação, basta acessar o link: https://portal.transformabrasil.com.br/vaga/muda-junto-brumadinho-demandas-tecnicas-bh-e-regiao.

A atuação dos voluntários, nesse primeiro momento, é necessária para o atendimento médico e psicológico às vítimas resgatadas e às pessoas que tiveram as casas atingidas pela lama, além do suporte aos parentes dos desaparecidos. Muitos animais resgatados da lama também precisam de cuidados especiais. Segundo o Governo de Minas Gerais, até a noite de domingo (27), 58 pessoas morreram, 361 foram resgatadas e 305 estão desaparecidas. Até agora, 19 corpos foram identificados.

Por enquanto, nenhum voluntário está autorizado a se aproximar da região atingida pela lama, devido aos riscos de segurança. Ainda não foram iniciados os trabalhos de limpeza da área afetada. Sendo assim, não há autorização para o trabalho dos quase 1.700 voluntários que se dispuseram a atuar neste serviço.

Desde a última sexta-feira, mais de 7 mil voluntários de todo o País se cadastraram na plataforma www.transformabrasil.com.br para ajudar as vítimas de Brumadinho.

O cadastramento de voluntários vai funcionar de acordo com as demandas da ONG, que ficará responsável por organizar a atuação deles e orientar sobre as funções. Cada vez que o número necessário for atingido, o cadastramento é suspenso e reaberto em seguida com as próximas demandas.

Para as pessoas que querem ajudar, mas não estão na região da tragédia, uma campanha de arrecadação de recursos foi criada através de outra parceria entre a ONG e-Missão e a incubadora Hub Social, ambas localizadas em Belo Horizonte. Através do site www.cidadedobem.com é possível fazer doações a partir de R$ 10,00 e acompanhar o valor arrecadado. Inicialmente, os recursos serão destinados para a compra de artigos de primeira necessidade, como remédios, água e material de limpeza, relocação de famílias desabrigadas e desalojadas, reabilitação das comunidades atingidas, redução de danos ambientais e ações sociais na cidade. Toda a prestação de contas também será feita através desse site, visando a transparência na utilização dos recursos.

PUBLICIDADE ANUNCIE

Outra forma de ajudar é enviando doações até o local que se transformou num centro de distribuição de donativos. Uma empresa de logística disponibilizou espaço e mão de obra para ajudar na entrega de donativos para as vítimas. Os itens mais necessários são garrafas de água mineral, alimentos não perecíveis e de preparo rápido, roupas, materiais de limpeza e itens de higiene pessoal. O local para entrega das doações fica na Rua Gracyra Resse de Gouveia, 1400, Dom I, Jardim Piemonte, Norte, Betim – MG. CEP – 32.689-328.

Há também apelo para doações de sangue, que devem ser feitas nos hemocentros da região. Além disso, igrejas, ONGs, empresas e governos de outras cidades também podem ajudar mobilizando voluntários para arrecadar donativos e organizar o envio até a região.

Resumo dos Números:

– 7 mil voluntários cadastrados na plataforma em 72h

– 2.447 cadastrados nas vagas específicas para ajudar em Brumadinho

– Médicos, enfermeiros, psicólogos, veterinários e assistentes sociais são os profissionais mais necessários inicialmente

– Itens para doar: água, material de limpeza, comida de preparo rápido e não perecível, itens de higiene pessoal

– Para doar pela internet: www.cidadedobem.com

– Para doar pessoalmente: Rua GracyraResse de Gouveia, 1400, Dom I, Jardim Piemonte, Norte, Betim – MG. CEP – 32.689-328

– Cadastramento de voluntários: www.transformabrasil.com.br

– Informações sobre a atuação de voluntários nas redes sociais @transforma.brasil, @emissaohope @ohubsocial

ONG e-Missão

A organização atua em cooperação com órgãos públicos e empresas privadas para auxiliar no suporte a vítimas de emergências urbanas e sociais. A instituição mobiliza voluntários para ajudar as vítimas de grandes traumas, perdas e fatalidades. A instituição foi uma das que deu suporte às vítimas da tragédia da Samarco em Mariana (MG), em 2015, auxiliando na limpeza e recuperação das casas atingidas e no acompanhamento das pessoas que perderam parentes e bens durante o incidente. A instituição mobiliza voluntários que possam oferecer serviços em prol das vítimas e suprir áreas que o poder público não abrange.

Transforma Brasil

Inaugurada há menos de seis meses, no dia nacional do voluntariado, 28 de agosto de 2018, a plataforma www.TransformaBrasil.com.br é uma ferramenta nacional de incentivo ao voluntariado. Através dela, ONGs, projetos sociais e cidadãos podem cadastrar vagas de voluntariado ou se cadastrar nas vagas disponíveis. A plataforma cruza os dados e permite o encontro de quem quer ajudar com quem precisa de ajuda. Também é possível cadastrar ações de emergência para ações voluntárias pontuais, como é o caso da ação #MudaJuntoBrumadinho. A iniciativa é baseada nas plataformas Transforma Recife e Transforma Campinas, que, em três anos, duplicaram o número de voluntários nas cidades onde foram implantadas. A estimativa da organização da plataforma é cadastrar 5 milhões de voluntários até 2022 e dobrar a média nacional de voluntários. Segundo o IBGE, apenas 4% da população brasileira pratica o voluntariado. A plataforma Transforma Brasil foi elaborada pelo empreendedor social pernambucano Fábio Silva, criador da ONG Novo Jeito e da incubadora de ONGs e projetos sociais Porto Social, localizada no Recife (PE). Uma equipe da plataforma foi enviada a Belo Horizonte para dar suporte a ação da ONG e-Missão.

Contatos para a imprensa:

ONG e-missao: Igor Miguel – 31 99208-3790

Transforma Brasil: Fábio Silva – 81 99913-5213

Assessoria de imprensa: Isly Viana – 81 98901-9127

Compartilhe o post com seus amigos!

  • Siga o Razões no Instagram aqui.
  • Inscreva-se em nosso canal no Youtube aqui.
  • Curta o Razões no Facebook aqui.

crédito da foto de capa: Reprodução/Mídia Ninja

PUBLICIDADE ANUNCIE


PUBLICIDADE ANUNCIE

Comentários no Facebook

Acessar

Resetar senha

Voltar para
Acessar