Colegas de colégio no Rio se unem para defender direitos de estudante transexual

Uma aluna do do Colégio Pedro II, no Rio, resolveu usar a saia do uniforme certo dia. O que tem demais nisso? A jovem nasceu do sexo masculino, porém hoje ela se identifica como mulher e quer ser vista e tratada dessa forma.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Contudo, a direção do colégio nesse dia fez a transexual voltar a usar calças, pois as normas da escola exigem uniformes diferentes para meninos e meninas.

Os colegas dela resolveram apoiar a amiga e nove dias após o ocorrido todos apareceram vestindo sais na escola.

Segundo a escola, o ato foi apoiado pela direção por “promover a diversidade sexual”, disseram em nota oficial.

O atual Código de Ética Discente não permite que alunos do sexo masculino utilizem o uniforme feminino, e vice-versa, e todos devem obedecer.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Embora a escola tenha dito que a estudante nunca tinha expressado sua vontade de ser tratada pela nova identidade, os amigos disseram que ela “vem tentando reafirmar que é uma menina”.

“Em nenhum momento o aluno foi impedido de circular pelas dependências do colégio ou de entrar em sala de aula. O Colégio Pedro II reconhece que a adolescência é um período de descobertas e repudia qualquer tipo de intolerância e discriminação”, diz um trecho da nota oficial.

“Ressaltamos que o atual Código de Ética Discente está sendo reformulado com a participação de toda a comunidade escolar, contando inclusive com a participação ativa dos alunos, que podem sugerir as alterações que acharem necessárias”, afirma o comunicado.

Mas, por hora, a aluna permanece obrigada a utilizar o uniforme masculino, embora a instituição pública de ensino considere a possibilidade de reformular seu código de conduta.

Fonte: QGA

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM



Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
2,844,630SeguidoresSeguir
24,854SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Em SP, paciente da Santa Casa conserta as cadeiras da instituição em gesto generoso

O mundo precisa de mais ação e menos reclamação! E é exatamente sobre isso que esta história fala! Na Santa Casa de Misericórdia de...

Juiz perdoa multa de idoso de 96 anos que levava filho com câncer ao médico

O juiz Francesco Caprio, conhecido como Frank Caprio, tornou-se um famoso magistrado norte-americano por ter seu trabalho judicial televisionado no programa de televisão Caught in Providence...

Pegadinha do bem muda a vida de uma garçonete no 1º de Abril

O 1º de Abril é caracterizado por fazermos pegadinhas que enganam as pessoas, mas essa pegadinha foi pra lá de inesquecível. Chelsea Roff é uma garçonete...

Projeto atende crianças e jovens em situação de rua com projetos de integração social em Camaçari (BA)

Em parceria com o Projeto Axé, organização social sediada em Salvador que atende crianças e jovens em situação de rua, a Ford está desenvolvendo...

Menino de 9 anos vende limonadas para pagar sua própria adoção

Você lembra o que estava fazendo aos nove anos? Qual era seu maior sonho? Para o jovem Tristan Jacobson é conseguir o valor necessário para que a família...

Instagram

Colegas de colégio no Rio se unem para defender direitos de estudante transexual 2