Estudante goiano de 12 anos cria jogo para combater cyberbullying

O estudante Álvaro Arruda Marques, 12 anos, de Goiânia (GO), desenvolveu um jogo para combater o cyberbullying, um tipo de violência praticada contra alguém através da internet ou de outras tecnologias relacionadas.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Praticar cyberbullying significa usar o espaço virtual para intimidar e hostilizar uma pessoa (colega de escola, professores, ou mesmo desconhecidos), difamando, insultando ou atacando covardemente.

Ajude uma mãe que cuida de quatro filhos com paralisia cerebral

Álvaro foi orientado pela instrutora Leylane Guimarães Luiz, do curso Game 3D, no desenvolvimento do jogo. Ela ensina crianças a criarem softwares utilizando a ferramenta ‘Alice’. O estudante aprendeu a programar na escola Happy Code, em Goiânia.

estudante apresenta jogo combater cyberbullying

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

De acordo com Leylane, “o jogo tem o objetivo de conscientizar as pessoas a não praticarem o bullying no âmbito da internet, além de auxiliar dando soluções, como, por exemplo, pedir ajuda aos pais, não dar muita atenção e confiar em si mesmo”.

Ajude uma mãe que cuida de quatro filhos com paralisia cerebral

Como funciona

Na justificativa pelo tema escolhido, Álvaro defendeu que o cyberbullying pode prejudicar a pessoa pelo resto da vida. “É quando alguém te chama de gordo, magrelo, quatro olhos, etc. Isso não é legal e, portanto, devemos lutar para que não aconteça”, destaca.

O game é um quizz tridimensional, que pode ser jogado pelo PC, sendo destinado a todos os públicos. Na apresentação do projeto, o chamado ‘Pitch’, Álvaro descreveu: “O meu jogo fala sobre uma menina que sofre cyberbullying por um grupo de meninas. Ela conta com a ajuda do pai para resolver o problema. Por isso elaborei um questionário de cyberbullying para conscientizar as pessoas”.

Você conhece o VOAA? VOAA significa vaquinha online com amor e afeto. E é do Razões! Se existe uma história triste, lutamos para transformar em final feliz. Acesse e nos ajude a mudar histórias.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Fonte: Curta Mais/Fotos: Reprodução / Curta Mais

Quer ver a sua pauta aqui? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,067,715SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Modelo com vitiligo faz campanha de Diesel e quebra barreiras do preconceito

Você já deve ter ouvido falar na modelo Chantelle Brown-Young, mais conhecida por Winnie Harlow, que se tornou a primeira modelo com vitiligo, quebrando padrões...

Dia Mundial das Doenças Raras incentiva conhecimento sobre o tema que afeta mais de 13 milhões de brasileiros

Para mostrar a importância de falar sobre doenças tão raras e tão pouco conhecidas, criou-se o Dia Mundial das Doenças Raras.

Homem dá US$ 25.000 de gorjeta para garçom arrumar os dentes e ter sua vida transformada

“Ele tinha consigo tanta gentileza e confiança com uma boca que parecia dolorosa. Eu fui tocado por isso” Assim o advogado Fred Boettcher descreve o...

A simplicidade (e beleza!) do amor resumida em uma foto

A imagem de dois pais de primeira viagem segurando seu filho pela primeira vez após o nascimento tornou-se viral no mundo inteiro, são eles BJ...

Pai solteiro adota 50 garotos nos últimos 12 anos: ‘estarei aqui para apoiá-los’

Aos 61 anos de idade, Guy Bryant conhece muito bem o serviço de assistência social e o processo para adotar uma criança. Nos últimos 12...

Instagram

Estudante goiano de 12 anos cria jogo para combater cyberbullying 2