Como fazer uma diferença significativa no mundo vendendo sorvetes?

A relação entre fazer a diferença no mundo e vender sorvetes pode não ser clara à primeira vista, mas a Ben & Jerry’s mostra como qualquer empresa, de qualquer setor pode fazer uma diferença importantíssima no mundo.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Com uma série de boas práticas ambientais, corporativas e sociais a empresa se destacou ao longo de seus 35 anos de existência e hoje é reconhecidamente uma das referências em Capitalismo Consciente. A primeira loja foi fundada em 1978 pelos amigos Ben Cohen e Jerry Greenfield, em Burlington – Vermont, Estados Unidos – e já tinha algo de diferente: o slogan era “Paz, Amor & Sorvete”. No primeiro aniversário de loja, aconteceu o Free Cone Day, comemoração que contava, e permanece até hoje, com um dia inteiro de sorvetes grátis.

De lá para cá as coisas evoluíram muito, a Ben & Jerry’s cresceu e suas boas práticas também, hoje a empresa conta com diversas iniciativas admiráveis como o Fair Trade, que estabelece um preço mínimo de compra de seus insumos, protegendo assim os fornecedores de eventuais baixas de mercado. Fornecedores estes que a empresa incentiva que sejam locais e de pequeno porte, economia local, qualidade dos alimentos e meio ambiente agradecem. A empresa também se posiciona ativa e incisivamente em questões políticas como casamento gay, aquecimento global, rotulação de alimentos transgênicos, entre outras, além de apoiar ONGs e causas. Anualmente, US$ 2,5 milhões são destinados a esse fim.

Mas e o lucro, onde fica? Nesse aspecto a Ben & Jerry’s vai bem, obrigado, o faturamento anual é de aproximadamente US$ 500 milhões e a expansão não para, a primeira loja aqui no Brasil está prevista para ser inaugurada ainda em Setembro deste ano, e sim, eles têm a intenção de trazer suas boas práticas para cá também. Da minha parte, sejam muito bem vindos!

E uma boa notícia, após cinco anos de estudos, a Ben and Jerry’s, que faz parte do grupo Unilever, irá inaugurar a sua primeira loja no Brasil, ainda no mês de setembro. Assim como acontece em outros países que receberam a marca, a empresa não trará apenas o sorvete, mas também vem com uma forte preocupação em atuar diretamente na comunidade local.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

DSC_0103

Foto: Thaís Teisen – Redação CicloVivo

DSC_0162

Foto: Thaís Teisen – Redação CicloVivo

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

10420276_329348890523400_6798616288043408284_n  575441_218054134986210_2018593060_n 580629_279400148851608_1770766400_n

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM



Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
2,849,393SeguidoresSeguir
24,944SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Cientistas britânicos imprimem córnea humana em 3D

A descoberta dá esperança a milhões de pessoas ao redor do mundo que aguardam uma doação de córnea para não ficarem cegas.

Ele fez novos amigos sentado na Avenida Paulista

Caros,  conheci o Fernando Conte há pouco tempo, e ele é daquelas pessoas iluminadas, pedi a ele para mostrar a todos esse projeto que...

Empresa transforma plástico descartado em moradias

Você sabia que só com o plástico descartado todos os anos é possível dar quatro voltas na Terra? Já nos aterros sanitários, apenas 5% hoje...

Campanha quer levar primeiro grupo de dançarinos profissionais Down para um dos maiores festivais do mundo

Você conhece a ONG Instituto Movimentarte? Ela tem um trabalho incrível que usa a dança como ferramenta de transformação social com os portadores de síndrome de...

Pizzaria surpreende e doa forno para ex-funcionário abrir o próprio negócio

O segredo é a alma do negócio... Não, não! O segredo é compartilhar! Em Goiânia (GO) uma pizzaria doou um forno industrial a um...

Instagram

Como fazer uma diferença significativa no mundo vendendo sorvetes? 3