Como um homem perdeu 64 quilos em 10 meses mesmo sem conseguir andar

Quem não conhece essa história: Um jovem cheio de sonhos e ambições se alista para servir ao seu país, logo tem que defendê-lo em uma guerra. Sonhos e aventuras pela frente, força de vontade para servir à pátria. Aos poucos o jovem se depara com a dura realidade dos fatos e percebe que o sonho se tornou um grande pesadelo. Uma mina escondida, um tiro ou uma aterrissagem mal sucedida o tira da guerra e deixa uma grande marca: uma perna, um braço ou qualquer outra parte do corpo acaba sofrendo a consequência; ficam as sequelas. A guerra acaba e ao voltar para casa o jovem é condecorado, recebe todas as menções honrosas, mas é esse o fim? Não… Com sequelas, mas com esperanças, o jovem se  DESILUDE e PERDE as esperanças ao ouvir do médico: ” a lesão é permanente, sem volta”. O desânimo prevalece e em 15 anos junto a desesperança, surgem alguns quilos, seu físico já não é o mesmo e ninguém mais tem disposição para ajudá-lo. É aí que vemos que na vida, há pessoas e pessoas…esse é o caso do jovem do vídeo que apresento aqui, um paraquedista da Guerra do Golfo que depois de uma trajetória amarga e de muito sofrimento, encontrou em um professor de yoga a sua chance de voltar a viver. Após meses de esforço, o que parecia ser impossível aconteceu, uma vida renasceu. Em 10 meses ele perde cerca de 63,5kg. Essa é mais uma bela história para mostrar que são atitudes de amor  como a do professor de yoga que fazem a diferença no mundo em que vivemos.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

 

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,558,019SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Gerente da Caixa se senta no chão para atender homem com deficiência e foto viraliza

Gerente da Caixa foi fotografado atendendo um senhor com deficiência de igual para igual: sentado no chão e olhando em seu olho. Sem tempo para ler?...

Fã assiste à versão inacabada do novo Star Trek antes de morrer

Sofrendo de um câncer terminal, o fã de Jornada nas Estrelas Daniel Craft  tinha um último desejo: assistir a Além da Escuridão: Star Trek, novo filme da saga dirigido...

Índia substitui lombadas por pinturas em 3D nas estradas para diminuir acidentes

A escolha foi bem inteligente, pois a ilusão de ótica que elas provocam chama muito mais atenção dos condutores que os tradicionais “quebra-molas” ou “lombadas”.

ONG atende crianças autistas usando terapia com cavalos

O Instituto Horsoul é uma organização sem fins lucrativos que atende pessoas portadoras de necessidades especiais e suas famílias usando um tipo de terapia...

Google Assistente agora sugere atos de gentileza

Ok Google, gentileza gera gentileza.

Instagram