Como uma campanha publicitária reduziu 85% da taxa de suicídios na Coréia do Sul

7
9309

Coreia do Sul carrega um título infeliz, é o país com a maior taxa de suicídio da OCDE. O local escolhido pelos suicidas na maioria das vezes é a ponte Mapo, na capital Seul, essa ponte foi responsável por 108 mortes nos últimos cinco anos.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Como tentativa de reverter  a situação e esses números, o Seguro Samsung transformou em “Ponte da Vida” o local mais mortal do território sul-coreano.

Contrariando as expectativas do governo, como simplesmente construir um muro ou fechar a ponte, a companhia apostou na solução criativa que fizesse as pessoas pensarem duas vezes antes de tomarem uma medida extrema, e assim salvar vidas.

Luzes com sensores acendem conforme os transeuntes caminham pela ponte, eles também recebem frases inspiradoras como: “Vá ver as pessoas de quem você sente saudade”, “Os melhores momentos da sua vida ainda estão por vir”, “Como você gostaria de ser lembrado?”. Segundo reportagem da Creativity, as mensagens foram elaboradas em parceria com psicólogos e ativistas da prevenção ao suicídio.

5

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

6

A instalação, assinada pela agência Cheil Worldwide, levou um ano e meio para ser feita, contou com 124 trabalhadores, totalizou 2,2 km de extensão e utilizou 2.200 luzes de LED e sensores.
Segundo o Cannes Lionque premiou o projeto em 2013, de setembro do ano passado, quando a campanha teve início, a dezembro de 2012, a taxa de suicídio na ponte diminuiu 85%.

2

Essa estátua, de um amigo reconfortando o outro, é um dos grandes símbolos da campanha”.

3

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Nossa intenção era que os pedestres continuassem lendo as mensagens mostradas ao longo dos 2,2 quilômetros da Ponte Mapo e, finalmente, andassem todo o caminho para o outro lado sem se darem conta”.4

Assista ao vídeo e entenda como funciona:

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

7 COMENTÁRIOS

  1. Eu tive muita vontade de me matar umas semanas atrás. Só não o fiz por dois motivos: Não encontrei uma maneira rápida e pensei muito nos meus gatos. Quem ficaria com eles? A pior sensação é querer conversar sobre isso com alguém e não ter alguém que possa te escutar. Eu tinha crises de choro todas as noites e quanto mais eu chorava, mais tinha vontade de morrer. A ideia de suicídio era tão fixa, que se aqui na minha cidade tivesse ponte, acho que eu teria pulado sem pensar.

      • Melhor conselho que posso te dar: busque um psiquiatra. Sua cidade deve ter, inclusive, grupos q auxiliam nisso. Converse com o pessoal do posto de saúde mais próximo a VC, eles saberão lhe orientar. As consequências deste ato são terríveis, não apenas a VC q deixara de aproveitar tudo o que pode como tbm aos que estão ao seu redor. Busque ajuda com um psiquiatra, por favor.

    • Isso pod parecer bem clichê mas como uma das frases da ponte fala, o melhor da sua vida ainda está por vir! E é verdade, ainda tem inúmeras pessoas e lugares legais para você conhecer!!

      • Sabe Bea, minha vida é uma sucessão de fracassos. Nada do que eu planejo dá certo. Vejo pessoas da minha idade com a vida já resolvida, viajando o mundo e eu aqui parada. E isso não é de hoje. Tem gente que me fala que esta´difícil conseguir emprego por causa da crise, mas pra mim a crise sempre existiu. Desde que eu comecei a procurar emprego, na época com 18 anos, foram raras a empresas que me chamavam pra entrevista. Call center não conta, pq se vc passa em frente a um telemarketing, toma um pescotapa e cai sentado na P.A. 😀 Fiz um curso técnico apostando que a partir daí eu teria uma base financeira para fazer uma faculdade, mas não tive retorno nenhum com esse curso. Então foi como começar do zero outra vez. E eu vejo minha mãe meio que satisfeita cada vez que eu não passo em uma entrevista. Moramos só nós duas e ela acha que devo viver minha vida em função dela. Ela não me ajuda financeiramente, era meu ex namorado que me ajudava. Quando terminamos, fiquei sabendo que ele espalhou pra todo mundo que ele terminou comigo pq estava cansado de pagar as coisas pra mim. Ainda teve um cara que me chamou disfarçadamente de vagabunda a uns meses atrás porque eu não estou trabalhando (só pq disse a ele que ele deveria ter mto tempo livre para estar cuidando da minha vida). Eu sou mto fechada e foi juntando tudo e quase que deu merda. Tento ser positiva, mas é tanta decepção que não dá. Não tá sendo fácil….

        • Acredite em mim nunca é tarde pra tentar mais uma vez. Não desista, continue tentando buscar oque você procura. O conselho que eu lhe dou é parecido com o da Fernanda, tenta fazer algum tipo de serviço comunitário em uma ONG ou igreja. Eu não quero que você se sinta mal com oque vou dizer nas linhas a frente, muito pelo contrario espero que você encontre algum tipo de motivação. O maior medo que eu tenho é que na minha vida as coisas fiquem bem parecidas como ficaram na sua. Comigo já foi tudo muito parecido… quanto eu estava terminando o ensino médio eu nem queria saber de faculdade, eu tava fazendo um curso técnico cheio de promessas (era a primeira turma aqui da minha região um curso de técnico em construção naval) o mercado estava aquecido e eu achava que quando eu terminasse o curso, por ser um dos melhores alunos da turma eu já teria um trampo garantido, iria sair da minha cidade, morar sozinho, ter meu dinheiro, e depois começar a me preparar pra facu. Só que o curso foi terminado e a situação do mercado foi mudando! Eu percebi que nada iria sair do jeito que eu queria, comecei a ficar muito preocupado e como aconteceu com você a minha mãe estava “contente” com o meu fracasso . Ela dizia “Não se preocupe meu filho eu e seu pai não vamos deixar nada te faltar, você não tem que se preocupar, você ainda é novo uma hora vai aparecer algo pra você” por um lado as palavras da minha mãe me ajudaram, porque nelas eu consegui algum tipo te paciência e calma pra não achar que eu já tinha perdido tudo. As coisas foram só piorando com relação ao mercado naval e eu cada vez mais sem esperança achando que tudo estava perdido e que eu nunca ia conseguir conquistar meus objetivos. Até que um dia meus melhores amigos do ensino fundamental resolveram fazer um reencontro, agente passou 2 dias juntos e esses dois dias foram aqueles dias em que você fica pensando “caraca fazia tempo que eu não passava um dia legal assim”. Um dos meus amigos consegui vaga em uma faculdade federal e tava muito animado, outros 2 ainda não tinha conseguido, mas mesmo assim não tinham desistido dos seus objetivos e estava fazendo pre-vestibular. Eu tentei falar o minimo possível sobre oque estava acontecendo comigo no momento porque eu estava com medo de sei lá… deixar a galera pra baixo. E depois que eles foram embora eu entrei em uma reflexão muito profunda comigo mesmo, comecei a pensar em todas as possibilidade possíveis que eu tinha ao meu dispor e dai comecei a correr atras (isso no começo de abril).
          Eu terminei o curso, comecei a trabalhar na publicação de um artigo em uma revista universitária fundamentado no meu TCC, daqui a algumas semanas vou começar a trabalhar em uma multi nacional que tem aqui perto da minha cidade, to fazendo plano pra conseguir entrar no curso de engenharia Naval da UFRJ em 2016 ou 17, estou trabalhando na fluência do meu inglês porque eu quero conseguir uma bolsa no ciência sem fronteiras. Pra você ver como são as coisas… eu estive em uma situação bem parecida com a sua, hoje as coisas podem parecer estar boas por meu lado, mas tenho em mente que de uma hora pra outra tudo pode mudar e que essa luta em busca dos meu objetivos tenha que começar do zero mais uma vez . Eu espero que você consiga superar essa fase e que consiga dar um rumo na sua vida, estou torcendo por você XD

        • Você está realmente viva Georgina. Por isso essa frustração. Estar adaptada a uma sociedade doente é um péssimo sinal. Vc viu quanta gente vale a pena? Que estão escrevendo para vc? E tem muito mais que não souberam de vc.
          O fato de vc não se adaptar para mim na verdade é um muito bom sinal. Ainda que agora vc não possa ver.
          Eu estou em Cancún, mais sou brasileiro. Brasil é minha Mátria.
          E aprendi ver os mundos paralelos em dimensões diferentes. [email protected] algumas vezes me pediram para acompanhar parentes no momento da morte porque eu consigo ver parte do processo. E é todo um tema. Mais eu posso te garantir que o suicidio não é uma solução, ao contrario, deixaria vc “descuberta” ou sem proteção psíquica em uma região onde, digamos, não existe muita gente consciente da Luz.
          Aqui vc tem a vantagem de ter o tempo para pensar e usar seus pensamentos (vc escolhe, positiva ou negativamente) e com isso tomar decisões. Nessa região intermedia na morte por suicidio vc seria “atacada” por seu maior inimigo, vc mesma (e com a ajuda duns FDP 🙂 ).
          Ou seja, é uma péssima idéia.
          Sugiro que vc veja um filme chamado Mais Além Dos Sonhos (When the dreams come true com Robbin Williams). Esse filme foi consultado por alguém que também teve experiencias inter-dimensionais (James Hurtak) como eu, só que muito mais profundas.
          A parte de tudo isso, quero te dizer que vc é muito sensível e poderá entender seus gatos vendo o video em youtube (The incredible story of how leopard Diabolo became Spirit – Anna Breytenbach – https://www.youtube.com/watch?v=TS6lgCJkXNE).
          Vai parecer muito louco, mais os animais pensam e possuem personalidade. Eu comecei a falar com eles. A vida nunca mais vai ser a mesma. Seus gatos vão te ajudar (já te ajudaram).
          Sua sensibilidade psíquica deve se desenvolver para que seres negativos não usem “tuas antenas” para colocar pensamentos negativos na tua mente. Quando eles conseguem fazer isso, eles consomem sua luz e trocam por escuridão. Um ser humano por si mesmo, jamais pensaria em tirar sua vida. Isso é fruto de ataques psíquicos e se está acontecendo é porque vc é muito importante para algo que ainda não acordou.
          Fique em contacto, busque-me no http://www.facebook.com/edu.sou.9 & bom… deixo já tudo aqui Me/nos ajuda com união, difusão e likes?
          Página Mundial http://www.facebook.com/treecallwww
          Página Reciclaje http://www.facebook.com/reciclancun
          Página de Huertos http://www.facebook.com/huertosurbanoscancun
          Página de Salud http://www.facebook.com/integrasal
          Página Manifiesta http://www.facebook.com/m4n1f135t4
          Página de Asesoría http://www.facebook.com/hadoreso
          Página Personal http://www.facebook.com/edu.sou.9

          Quando entendas o que estou dizendo, não com sua cabeça, mais com seu coração, vc vai entender porque “tudo sai errado”… e como vc está bem perto de abrir as asas!!!

Comments are closed.