Comunidade se une para devolver um pouco de dignidade a morador de rua esquizofrênico

Morador de Ferreñafe, cidade que fica na costa do Peru, Chumán Don Luciano, de 83 anos, é conhecido pelos moradores locais como “Louco Chumán”, por conta da esquizofrenia – um transtorno mental que dificulta sua distinção entre experiências reais e imaginárias. E, embora tenha uma casa e uma família, ele vive a maior parte do tempo na rua.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Acostumada a vê-lo andando pelas ruas, a comunidade decidiu se unir para devolver a Chumán um pouco de dignidade. “Às vezes nos portamos de maneira indiferente diante das pessoas com quem vivemos dia após dia. Mas isso precisa mudar. Queremos ajudar pessoas cada vez mais vezes”, disse um representante da associação de moradores.

Os moradores do bairro deram a ele comida e roupas novas, fizeram sua barba e iniciaram uma campanha no Facebook para quem quiser ajudá-lo no dia a dia. Confira a transformação:

esquizofrenia esquizofrenia2 esquizofrenia3 esquizofrenia4

Fotos: Reprodução/Facebook

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Com informações do Mashable

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM


Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,496,742SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Para não deixar seu idioma ser extinto, indígena de 81 anos aprende a usar o computador e cria dicionário

Já ouviu falar do idioma Wukchumi? Pois é, quase ninguém escutou, não se sinta menos culto por isso, afinal, só existe mais uma pessoa no mundo...

Enquanto trabalha, carteira distribui ração e amor para animais de rua em Campo Mourão (PR)

Uma carteira de Campo Mourão (PR) distribui ração para cães e gatos em situação de rua enquanto entrega as encomendas dos clientes.  Não tem um dia...

Arquiteto usa plástico reciclado para construir moradias para desabrigados

O plástico é um dos grandes vilões da poluição ambiental por causa do tempo que ele leva para se decompor na natureza: mais de...

Escravo que restaurou igrejas de SP é reconhecido arquiteto após 200 anos 

Há cerca de 200 anos, um escravo conquistou grande relevância em São Paulo por dominar a arte da cantaria, a técnica de talhar pedras...

Universidade rompe tradição e permite que atendente de lanchonete seja homenageado por formandos

É a primeira vez, em 45 anos de fundação, que a UniRitter, de Canoas (RS), permite que o homenageado de uma turma de formandos...

Instagram