Confira momentos em que a humanidade combate a crise dos refugiados com muita solidariedade

14
6979

Com tantos exemplos e notícias ruins, muitas vezes, perdemos a fé na humanidade, acreditando que tudo está perdido, mas aí vem alguém com um gesto surpreendente e nos mostra como podemos ser melhores como seres humanos.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

O BuzzFeed fez uma seleção de belos momentos da humanidade no enfrentamento da crise dos refugiados que fogem de países como a Síria tentando chegar à Europa todos os dias em busca de abrigo:

Quando esse menino se ofereceu para compartilhar seus brinquedos com refugiados que chegavam à estação ferroviária central de Munique.
enhanced-18554-1441713164-2a

O policial de Munique que tirou um momento para deixar um garotinho experimentar seu quepe.
enhanced-buzz-21431-1441713589-8a

Quando Antonis Deligiorgis decidiu mergulhar e tirar sozinho 20 refugiados sírios da água depois de ver o barco deles bater em rochas pontiagudas e se desintegrar ao largo da costa de Rodes, Grécia.
grid-cell-27204-1441727549-6aE os 10 mil australianos que se reuniram em cidades por todo o país, exigindo que seu governo faça mais para ajudar.
enhanced-3724-1441721552-2a

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Com algumas homenagens acontecendo do outro lado do mundo, como esta parede grafitada em Sorocaba, Brasil.
enhanced-6704-1441719088-2a

Ou a pessoa na Austrália que publicou um obituário para Aylan Kurdi no Sydney Morning Herald.
enhanced-buzz-15326-1441720601-5a

“Aylan

Você não merecia se afogar na frieza da água e na frieza da indiferença humana.

Você não era um imigrante. Você não era um refugiado. Você era um menino de 3 anos querendo brincar em segurança, longe das ameaças de violência e guerra.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

No céu, você vai ser cuidado por aqueles que abraçaram você, por aqueles que beijaram você e por aqueles que arriscaram tudo na esperança de que você alcançasse as margens da segurança.
Descanse em Paz, Aylan Kurdi. Que Deus nos perdoe por decepcioná-lo.”

O momento em que Laith Majid, um pai sírio, foi fotografado derramando lágrimas de alegria quando ele, seu filho e sua filha chegaram à ilha grega de Cós.
enhanced-8445-1441709747-9a

Os torcedores de futebol alemães que usaram um jogo como oportunidade para transmitir uma mensagem.

Quando Sandra Tsiligeridu e um grupo de amigos salvaram um refugiado sírio que encontraram perdido no mar perto da ilha grega de Cós. Ele estava agarrado a um colete salva-vidas e ficou à deriva por 13 horas.

E fornecendo água para os refugiados que vão a pé para a Áustria.

Confira a essas e outras imagens aqui.

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

14 COMENTÁRIOS

  1. Tá vendo?? Tem jeito sim e as pessoas estão provando que o mundo não é tão ruim quanto aparenta

  2. Tá vendo?? Tem jeito sim e as pessoas estão provando que o mundo não é tão ruim quanto aparenta

  3. Noticias como essa renovam minhas esperanças na humanidade e em um mundo melhor….

  4. Noticias como essa renovam minhas esperanças na humanidade e em um mundo melhor….

  5. Muito feliz por ver essas fotos eu tenho esperança que tudo vai dar certo.
    Meus votos de felicidade a todos que estão mudando suas vidas e que tenham uma boa adaptação e sejam sempre muito bem recebidos.
    Sou filha de imigrantes moro aqui no Brasil pq minha família foi recebida e desejo que todos os que precisam tenham essa felicidade pois deixar sua casa e seus costumes é uma coisa muito dura e difícil ainda mais numa cultura tão diferente da nossa.

  6. Muito feliz por ver essas fotos eu tenho esperança que tudo vai dar certo.
    Meus votos de felicidade a todos que estão mudando suas vidas e que tenham uma boa adaptação e sejam sempre muito bem recebidos.
    Sou filha de imigrantes moro aqui no Brasil pq minha família foi recebida e desejo que todos os que precisam tenham essa felicidade pois deixar sua casa e seus costumes é uma coisa muito dura e difícil ainda mais numa cultura tão diferente da nossa.

Comments are closed.