Contra o desperdício, empreendedor transforma bagaço de malte em ‘pão de cerveja’

Pão feito com malte deixa a gente bêbado? O João Paulo Stringueto já ouviu essa pergunta algumas vezes e certamente deu umas boas risadas.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Pouco antes do início da pandemia, lá em março, João começou a produzir cerveja artesanal com dois amigos, em Jundiaí (SP). Um hobby que depois virou negócio: a Brejaria Largatão.

João sempre gostou de cozinhar e percebendo que sobrava muito bagaço de malte após a brasagem da cerveja, como é chamada a etapa de “cozimento” dos cereais, teve o estalo.

Fez os primeiros pães de malte para ele mesmo e alguns amigos. O pessoal adorou e foi então que a namorada de um amigo e sócio do João na cervejaria deu a ideia dele vender os pães. Nascia o Pão do Jão!

 

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por 🌾Pão do Jão (@paodojaojundiai) em

João é formado em TI, mas está desempregado há mais de um ano. Começou a empreender em plena crise e tem dado certo!

“A coisa foi andando bem, tem tido uma boa aceitação! As pessoas que compram fazem um marketing boca a boca”, comemora.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Características da cerveja

O pão tem características de sabor e coloração da cerveja feita com o mesmo malte de trigo e as semelhanças param por aí. Dá pra comer tranquilinho sem ficar bêbado porque o malte não define o teor alcoólico da cerveja (fermentação) e nem o amargor (lúpulo).

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por 🌾Pão do Jão (@paodojaojundiai) em

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Queridinho dos clientes

João criou uma receita de massa própria e há opções para veganos. Os clientes já têm um queridinho.

É o pão feito com maltes de Weiss e recheio de tomate cereja confitado com manjericão. Pela cara é de comer ajoelhado, principalmente se você for vegano ou tem intolerância à lactose.

Adeus, dieta! kkk Foto: Reprodução/Instagram

O legal também é que João dá dicas de acompanhamento para os pães, para melhorar ainda mais a experiência do cliente.

“A gente indica para a pessoa o que ela pode comer junto. Procuramos trazer isso tanto para o recheio quanto para os acompanhamentos.”

Pedidos

Quem quiser o Pão do Jão tem que pegar o telefone e ligar. A produção ainda é caseira e são poucos pães assados por semana.

“Minha estrutura ainda é muito pequena. Tudo é manual, não tem nada semipronto, uma massa que fica congelada… Eu vou fazendo conforme surgem as encomendas.”

Infelizmente, pelo menos por enquanto, só quem mora em Várzea Paulista e Jundiaí pode provar essas delícias.

Vem conferir na íntegra o papo que tivemos com o João:

selo conteúdo original

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM





Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
4,272,461SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Este coelhinho nasceu sem orelhas mas sua dona encontrou a melhor solução

Mimi, um pequeno coelhinho que nasceu surda, com apenas três pernas e, embora não possa ouvir, graças ao seu dono, ela tem um novo...

J. K. Rowling libera coleção Harry Potter para professores do mundo inteiro

A escritora britânica J. K. Rowling, 54 anos, liberou toda a coleção de livros da saga Harry Potter para professores de todo o mundo. O...

Corrente do bem ajuda casal de idosos que vende flores no quintal de casa, em Santos (SP)

Hanae Muraoka Igari, de 81 anos, e o marido Sumio Igari, de 86 anos, trabalham com flores há 20 anos. Eles tinham uma floricultura...

[VIDEO] Idoso é resgatado após ficar 22 horas à deriva no mar do Japão: ‘Milagre’, diz Guarda Costeira

A Guarda Costeira do Japão comemorou no último fim de semana um verdadeiro milagre após salvar a vida de um idoso que passou 22...

Menina com paralisia cerebral começa a andar e comemora em vídeo emocionante

Maya tem paralisia cerebral e por isso deu seus primeiros passos com 4 anos e dez meses.

Instagram