Coronavírus ‘sela paz’ entre palestinos e israelenses: saúde é prioridade máxima!

Há anos o mundo não via um encontro pacífico entre palestinos e israelenses. A Autoridade Palestina e Israel sentaram na mesma mesa para firmar uma medida de cooperação para combater o coronavírus.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Este é o momento de deixar de lado as nossas diferenças e trabalhar em conjunto contra a pandemia, que não distingue entre árabes e judeus”, disse um responsável da Autoridade Palestina.

A criação do gabinete foi anunciada pelo porta-voz da Autoridade Palestina, Inhaim Milhem. Nas palavras dele, uma medida necessária para impedir a propagação do vírus nos dois lados da fronteira.

“As nossas fronteias comuns e relações não deixam espaço de hesitação para tomar medidas severas e cooperar ao mais alto nível para evitar a propagação do vírus.”

israelenses palestinos unidos contra coronavírus
Israel e Palestina deixaram diferenças de lado para impedir a disseminação do novo coronavírus nos dois lados da fonteira. Foto: Reprodução/RTP

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Estamos falando de saúde, que é a nossa prioridade máxima”

O Hotel Angel, em Beit Jala, cidade vizinha de Belém na Cisjordânia, registrou os primeiros casos de Covid-19, no início do mês.

“As medidas que tomamos na área de Belém, depois de detectar os primeiros casos, foram feitas em coordenação com as autoridades israelitas”, revelou ao Jerusalem Post um responsável palestino da área da saúde.

Ele relembrou que Israel disponibilizou kits de teste para coronavírus e que os palestinos realizaram as análises em hospitais israelenses.

Chefe do departamento internacional da Administração Civil, Yotam Shefer revelou que nas últimas três semanas o Gabinete do Coordenador para as atividades nos Territórios, em colaboração com o Ministério da Saúde, trabalha para ajudar os palestinos na luta contra o coronavírus – da área civil até a segurança.

“Estamos falando de saúde, que é a nossa prioridade máxima”, explicou.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

No ano passado, vimos voluntários israelenses levando palestinos para ver o mar pela primeira vez, relembre aqui.

Doações

A Cisjordânia recebeu de Israel 20 toneladas de desinfetante, mais 400 kits de testes para coronavírus e outros 500 itens de proteção para as forças de segurança e equipes de saúde.

Participe do nosso canal no Telegram e receba todas as matérias e novidades do Razões, clique aqui.

Casos confirmados

Nos dois territórios, agentes de saúde locais conscientizam a população sobre o perigo da doença. O controle da fronteira e dos trabalhadores que passam pelo local também foi reforçado.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Até a semanada passada, Israel registrou 500 casos do novo coronavírus, mas nenhuma morte confirmada. Já a Palestina, no mesmo período, contabilizou 44 infectados pelo Covid-19.

Leia mais boas notícias em meio ao coronavírus clicando aqui.

Durante o Mês da Mulher, nós aqui do Razões junto com O Boticário contaremos histórias de mulheres que ajudam mulheres. Vamos falar sobre essa linda rede de apoio, para mostrar que #SomosFeitasDeTodas. Acesse as histórias aqui.

Fonte: SNB

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM



Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,634,668SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Palestrante falar sobre as mudanças nos paradigmas da educação

A nossa educação atual, da forma como está, não funciona mais, está falida. Já falamos sobre isso com a filósofa e psicóloga Viviane Mosé,...

Jovem de Jacareí vende ‘geladinho’ para não dar mais despesas aos pais depois que se mudar pra SP

Ele vai ser mudar para São Paulo após passar no vestibular e não quer mais dar trabalho aos pais.

Mãe de sete que devolveu carteira com R$ 500 recebe doações do país inteiro

Alguns dias antes das festividades de Natal, Simone Aparecida, de 41 anos, mãe de sete filhos moradora de Lins (SP), protagonizou uma história de...

Na Ilha do Bororé, zona sul de SP, um espaço promove ecologia e cultura

Nas margens da represa Billings, península na zona sul, região rural-floresta com balsa pelo Grajaú, está a Casa EcoAtiva. Ali se reúnem grupos, coletivos, organizações,...

Instagram