Cuidadora de idosos humilhada por erros de português recebe diversas ofertas de emprego em SP

Dias depois de ser humilhada pela atendente de um asilo em Sorocaba (SP) após enviar um currículo com alguns erros de português, a cuidadora Cristiane Barros, 43, recebeu diversas ofertas de emprego.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Com a repercussão do caso, Cris contou com o apoio e defesa de milhares de pessoas indignadas com a hostilização gratuita e falta de educação da funcionária do asilo.

De acordo com o portal ‘O Povo’, tudo aconteceu na última quinta-feira (14). Dois prints mostram a atendente corrigindo erros de português da cuidadora, com um aparente ar de superioridade. “Não existe agente, é a gente”, escreve. 😤

cuidadora humilhada por erros de português recebe ofertas emprego

Depois, a funcionária ainda sugeriu que Cristiane fizesse um curso de português e disse que era “por isso que ela não arrumava trabalho”.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Seria bom você fazer um curso de português. Deve ser por isso que você não consegue uma vaga de trabalho”, escreveu. Após o episódio de humilhação gratuita, a cuidadora recebeu diversas ofertas de emprego, tanto em São Paulo quanto no Rio de Janeiro.

Centenas de pessoas também se ofereceram para ajudá-la a fazer um currículo novo e a dar dicas para que Cristiane se dê bem nas entrevistas profissionais.

“Deus sabe de tudo. Ele é maravilhoso e sabe o que faz. Sinto que fui escolhida por Ele e que Ele usou as pessoas ao meu redor para me mostrar que ainda existe bondade no mundo. Estou muito feliz e muito agradecida. Ainda estou analisando as propostas. Aceitei a ajuda de refazer o currículo”, afirmou.

Asilo bloqueou Cristiane

“Eu me senti muito mal. É muito triste pensar que existem pessoas assim, principalmente trabalhando com idosos. Fiquei chateada, porque não sou uma pessoa do mal. Fiz o curso, estou procurando emprego e batalhando por isso. Eu errei, alguns deles foram o corretor e não consegui arrumar. Foi sem querer”, relatou Cristiane.

Ela foi orientada por um amigo a mandar currículo para a casa de repouso, pois o local estava contratando novos funcionários. Pouco depois de enviar os documentos, no entanto, a atendente começou a respondê-la de forma hostil.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Ainda assim, mesmo estando certo, Cristiane disse que pediu desculpas e tentou mandar novas mensagens, mas que seu número foi bloqueado pela clínica.

Em nota divulgada na imprensa, o asilo informou que não tinha conhecimento sobre o ocorrido, que “lamenta muito este tipo de conduta” e que não compactua com o comportamento da atendente.

Por fim, afirmou que irá apurar internamente o ocorrido, mas que já identificou que “nenhum dos empregados e funcionários foi emissor das mensagens”.

“Continuaremos as investigações internas e, caso algum prestador de serviços tenha realizado a conduta em nome da empresa, adotaremos as medidas corretivas necessárias”, diz a nota.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Junto à Stone, viajamos o Brasil para mostrar negócios que muita gente acha que não daria certo na nossa terrinha – e dão! Veja o 1º EP da websérie E se fosse no Brasil?

Fonte: O Povo
Fotos: Arquivo pessoal

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM




Cuidadora de idosos humilhada por erros de português recebe diversas ofertas de emprego em SP 2

Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
4,970,307SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Casal adota cinco irmãos para que não se separassem no DF

Os irmãos Maria Vitória (14), Pedro Henrique (12), Miguel (8), Gabriel (6) e Vitor (4) não precisam ter mais medo de serem separados.

Aos 70 anos, eles se conheceram em asilo, se apaixonaram e casaram

A vida é repleta de encontros, desencontros, fins e inícios e, definitivamente, não existe hora certa para nada, muito menos para se apaixonar. Os...

‘Vending machine’ que oferece saladas e alimentos saudáveis

É comum encontrar por aí máquinas que vendem refrigerantes, salgadinhos, chocolates e todo tipo de junk food. Agora, uma máquina que fornece saladas em...

Jovem leva idoso que vivia em casebre para sua casa

A jovem Vitória Pinto Pereira ficou chocada com a situação do idoso e decidiu levá-lo para a casa dela.

Estudante de engenharia elétrica criou uma cadeira de rodas movida pelos olhos

Cadeira dará mais mobilidade a pacientes com Esclerose Lateral Amiotrófica (ELA).

Instagram

Cuidadora de idosos humilhada por erros de português recebe diversas ofertas de emprego em SP 3