Cuidadora conta como é a rotina com paciente com mieloma múltiplo

Ter a companhia de alguém com certeza deixa a vida mais leve, ainda mais em casos nos quais isso não é apenas uma escolha e sim uma necessidade. Pessoas diagnosticadas com mieloma múltiplo, câncer dos plasmócitos da medula óssea, passam a contar não só com tratamentos específicos em sua rotina, mas um alguém especial em prol de sua qualidade de vida: o cuidador.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

A professora Simone de Oliveira Vicente Brasileiro começou a trabalhar cedo e a irmã, Juliana, era quem cuidava dos sobrinhos. Anos depois, o acaso fez com que a situação fosse contrária. Com o mieloma múltiplo, o corpo do paciente vai se debilitando, reduzindo as atividades cotidianas a medida em que vai avançando, prejudicando principalmente os ossos.

Dessa maneira, Simone se tornou a cuidadora de Juliana, unindo mais ainda os laços entre as duas irmãs. Driblando as fragilidades que a doença traz, elas se tornaram companheiras do início ao fim do dia, desde um passeio pela rua até a ida ao médico.

Apesar do susto inicial na família e das adaptações na rotina de ambas, o sentimento de poder ajudar uma pessoa é gratificante. Doar-se para o outro é o que os fortalece para seguir em frente. Dá uma olhada na emocionante história das irmãs em um vídeo feito pela farmacêutica Takeda:

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Leia também: Paciente com mieloma múltiplo fala sobre a importância de ter cuidadores em sua rotina

*Artigo co-criado em parceria com Takeda Oncology

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM



Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
4,241,492SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

A incrível semelhança entre pais, filhos e avós quando tinham a mesma idade

A grande missão de ter e criar um filho e deixar um pouquinho de você no mundo, foi levada bem a sério por estes...

Muçulmanos arrecadam mais de U$180 mil para vítimas de ataque em sinagoga

“Nós desejamos responder ao mal com o bem assim como nossa fé nos ensina e enviamos mensagens poderosas de compaixão por meio da ação".

Câncer, literatura e amizade verdadeira

Esta é umas das histórias mais bonitas de amizade que vi em tempos. Nachu tem câncer terminal, e pode morrer até junho (calma, não é...

Viúvo de 94 anos chora ao receber travesseiro com rosto da esposa falecida [VÍDEO]

Um idoso viúvo de 94 anos recebeu um presente tão lindo e inesperado que foi às lágrimas em um tocante vídeo que circula nas...

Bombeiros levam presentes para menino que perdeu casa em incêndio na véspera de Natal em Vacaria (RS)

Em plena véspera de Natal, o pequeno Cauã Stiehr, de 6 anos, viu sua casa ser destruída por um incêndio em Vacaria (RS). Felizmente, o...

Instagram