De cortador de cana a médico: conheça Wellington e sua história de superação

Wellington Gomes sabe de verdade o que é batalhar duro para conquistar um sonho. Nascido no Engenho Santa Cruz II, zona rural de Ribeirão, Pernambuco, cortou cana desde criança. Um dia, resolveu seguir os conselhos dos pais que, mesmo analfabetos, sempre indicaram o caminho do sucesso: os estudos.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Quando estava no 1° ano do ensino médio, Wellington descobriu que a UPE (Universidade de Pernambuco) fazia um vestibular anualmente, fato que facilitaria bastante sua entrada na universidade de Medicina.

Porém, o estudante enfrentou um grande problema: faltavam apenas dois dias para acabarem as inscrições e ele não tinha dinheiro para a taxa de inscrição. Ao chegar em casa, Wellington contou a situação para o pai que, sem pensar suas vezes, se prontificou a trabalhar com ele para que conseguissem o valor necessário.

médico segurando estetoscópio e pai segurando facão
Pela mãe, de cortador de cana à médico! Foto: reprodução/Instagram @_wellingtongomes_

“Trabalhamos até mais ou menos 16h em um lugar chamado engenho São Pedro e com o dinheiro pagamos o boleto do SSA (Sistema Seriado de Avaliação) e um papel de energia. Foi o dia todo. Foi sofrido. Foi um dos primeiros momentos em que acreditaram em meu sonho”, conta o pernambucano em seu Instagram.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

“Eu sou o resultado de muita determinação mas também de uma soma de esforços de diversas pessoas, como meu querido pai, que sempre acreditaram em meu potencial. Minha gratidão neste momento se estende a todos que de alguma forma contribuíram para que o sonho de ser médico esteja prestes a se tornar realidade.”

“A primeira coisa necessária para um sonho se realizar é de alguém que acredite nele.”

Por que Medicina?

A decisão foi motivada pelo desejo de cuidar das pessoas, como fazia o médico que cuidava da mãe dele quando ela ficou doente. Wellington tem fresca na memória a reação da mãe quando comunicou sua escolha.

“Eu lembro que minha mãe começou a chorar naquele momento e disse: ‘pena que eu não vou tá aqui pra poder ver’. Quando foi à noite, ela agravou”, conta.

A mãe de Wellington não viu o filho de jaleco, mas esteja onde estiver, está orgulhosa da sua conquista! 🙏

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Wellington é o nosso convidado no 15º episódio do Cafezoom. Pega uma xícara de café e dá o play!

Os outros episódios do Cafezoom estão disponíveis para você maratonar aqui.

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM









Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
4,917,765SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Empresa produz 500 cópias de copo fora de circulação para adolescente autista

A empresa vai produzir 500 unidades para que o jovem não fique preocupado quando um de seus copos quebrar.

Dono de supermercado cria carrinho para que cachorros possam acompanhar seus donos nas compras

A ideia só podia ser um sucesso! Os clientes adoraram a iniciativa, e os gerentes de outras lojas da franquia demonstraram interesse em reproduzir a ideia nos seus estabelecimentos.

Em vídeo emocionante, pai reencontra filha que ficou 30 dias na UTI

Prepare o lencinho! O reencontro emocionante de um pai com sua filha que ficou 30 dias internada na UTI com meningite viral encefalite mexeu...

Dentista dá emprego a frentista estudante de Odontologia; conheça esta história

Uma ida habitual ao posto de gasolina para abastecer seu carro fez o dentista e empresário, Dr. Viotto, conhecer a linda história de um...

Manual dá dicas sobre a criação e o aproveitamento de hortas nas escolas

A pedido do Ministério da Saúde, pesquisadoras da Universidade de Brasília (UnB) elaboraram um manual que traz um passo a passo para o plantio...

Instagram

De cortador de cana a médico: conheça Wellington e sua história de superação 3