Delegado transforma vida de ex-usuária de crack que havia prendido em SP

Regiane foi usuária de crack durante 6 anos e chegou a roubar para sustentar o vício, até que foi presa. Porém, sua prisão, na verdade foi sua salvação, já que o delegado, Carlos Miranda e os policiais envolvidos em seu caso, se sensibilizaram com a situação e decidiram que iriam ajudá-la a promover uma mudança em sua vida.

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Na época, ela foi presa em flagrante e estava grávida, mas acabou sendo solta na audiência de custódia. Um dia, quando voltou à delegacia, 47º DP, no Capão Redondo, em São Paulo, para buscar alguns documentos, o delegado propôs para que ela participasse de uma campanha, que ele mesmo estava organizando, com o objetivo de ajudar na retomada de sua própria vida. A campanha, que está arrecadando roupinhas, leite, fraldas e tudo o que um bebê precisa, é para o pequeno Matheus, filho dela, de poucas semanas.

Relacionado: Mulher convida policial que a prendeu para sua graduação da faculdade e faz homenagem

A ação tem feito tanto sucesso que estão chegando doações até do Japão. Em entrevista ao SBT, o delegado afirma que a função da polícia não é somente a de prender quem está cometendo um crime: “Não adianta só prender. A gente tem que ter uma responsabilidade social também”. Dê uma olhada nas coisas que Regiane anda recebendo, graças à iniciativa do delegado:

Delegado transforma vida de ex-usuária de crack que havia prendido em SP 2

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Regiane, que foi presa por roubar um celular de uma loja de eletrônicos, está pagando por seu crime em liberdade, prestando serviços à comunidade. Ela diz que nunca mais pretende utilizar drogas e, realmente, está dando novo rumo à vida. Mãe do recém nascido Matheus, a mulher de 34 anos hoje considera que Carlos Miranda e os outros policiais envolvidos em sua história, são os seus amigos de verdade, aquelas pessoas que realmente a ajudaram a sair da triste situação em que se encontrava. Um deles, até foi escolhido para ser padrinho de seu filho.

Veja as postagens do delegado em seu Instagram:

Olá pessoal! Bom dia! Peço escusas para aqui contar algo que começou muito triste e, ao final, se tornou uma história feliz e de superação. Estes são a Regiane e seu filhote Matheus, com poucas semanas de vida. A Regiane me autorizou contar a história dela, com o intuito de obtermos doações para o Matheus! Pois bem, serei direto. Prendemos a Regiane em flagrante, pelo crime de furto de um aparelho celular, há alguns meses atrás. Regiane praticamente vivia na rua, e na época, me chamou atenção o fato dela estar grávida. Muito magra, devido ao vício em crack, me disse que estava furtando para sustentar seu vício, o que, infelizmente, não é incomum na região onde trabalho e em tantas outras zonas periféricas. A situação de Regiane obviamente nos comoveu bastante e, após ser solta na audiência de custódia, veio pegar seus pertences e iniciou-se uma relação de amizade entre ela e nós policiais do 47o DP. Regiane parou de usar drogas, gradualmente, recebendo assistência de sua família e novos amigos. Com a graça de Deus, Matheus nasceu bem e com saúde, apesar dos riscos que o uso de entorpecentes gera ao feto. Agora precisamos unir as pessoas de bem, e angariar doações daquilo que o Matheus mais precisa no momento: fraldas (tamanhos P a G), lenços umedecidos, leite em pó para recém-nascidos e até um ano e roupinhas de bebê, tamanho M em diante. As doações podem ser recebidas aqui mesmo no 47o DP, Capão Redondo, só procurar a Chefia de Investigadores. Mais informações forneço inbox a quem puder ajudar esse pequenino irmão que Deus nos deu. Obrigado a todos!

Uma publicação compartilhada por Carlos Miranda (@delta_cm) em

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

E o pequeno Matheus recebe a primeira parte das doações que conseguimos angariar. Ainda está vindo muito mais, de diversos lugares (até do Japão, acreditem!), como PROVA que o BEM não tem fronteiras e NEM LIMITES. Obrigado a todos que estão participando, Deus ilumine infinitamente a vida de todos vocês. Extremamente feliz de ter essa oportunidade de mostrar que a polícia está aqui para somar e estar ao lado da sociedade, caminhando juntos, e vencendo as adversidades diariamente. Devemos separar o joio do trigo, com a consciência de que todos tem direito a uma segunda chance e um tratamento digno. Contem com a Polícia Civil! #policiacivil #pcsp #delegado #servireproteger #protectandserve #forçaehonra

Uma publicação compartilhada por Carlos Miranda (@delta_cm) em

ATUALIZAÇÃO

PUBLICIDADE

CONTINUE LENDO ABAIXO

Chegaram mais doações para o pequeno Matheus, que tem ido visitar o delegado, junto com sua mãe, sempre que possível:

E assista abaixo a reportagem feita pelo SBT:

Ficamos muito felizes quando vimos este tipo de história, que é um verdadeiro exemplo de superação, força de vontade e amor ao próximo!

Com informações de SBT

Fotos: reprodução Instagram / @delta_cm

Quer ver a sua pauta no Razões? Clique aqui e seja um colaborador do maior site de boas notícias do Brasil.

CanaisPatrocínios
Marcas que nos apoiam

MARCAS QUE NOS APOIAM



Quer receber boas notícias todas as manhãs?

1,102,320FãsCurtir
3,089,429SeguidoresSeguir
25,464SeguidoresSeguir
11,200InscritosInscrever

+ Lidas

Projeto faz grafitagem nas faixas de pedestres para conscientizar sobre a importância da sinalização

Você já viu algumas faixas de pedestres grafitadas com arte por aí? Pois bem, essa foi uma iniciativa da agência Master Roma Waiteman para cidade de...

21 balanços gigantes tocam notas musicais quando as pessoas balançam neles

Existem várias formas de mostrar que muitas coisas funcionam melhor quando feitas em grupo, uma grande prova disso é a instalação chamada 21 Balançoires...

Projeto social ensina programação e ajuda integrar refugiados ao mercado de trabalho brasileiro (RJ)

Conheça o projeto Toti, escola de programação que promove educação e inserção profissional na área de Tecnologia da Informação para comunidades de refugiados.

Jovem raspa cabelo para levar amiga com câncer no Baile

Allie Allen foi diagnosticada com câncer no cérebro quando tinha 14 anos e, recentemente, sofreu uma recaída, por isso ela ficou particularmente grata quando...

Escola eco-friendly em Copenhague é maravilha arquitetônica da ciência solar

Existe alguma coisa escandinavos não podem fazer? Quer se trate da criação de uma cachoeira em uma das maiores cidades do mundo, ou a produção...

Instagram

Delegado transforma vida de ex-usuária de crack que havia prendido em SP 3